YouTube reduz a qualidade de transmissão na UE

YouTube reduz a qualidade de transmissão na UE

20 Março, 2020 0 Por Joel Pinto

Depois de ontem ter revelado aqui que a Netflix reduziu a sua taxa de bits para poupar as ligações à Internet, na União Europeia (EU), novas informações dão conta de que o Youtube seguiu o mesmo caminho. Para quem não tem noção do impacto destes 2 players na Internet, segundo um estudo recente, o Youtube e a Netflix em conjunto são responsáveis por 24% de todo o tráfego gerado na Internet.

Youtube reduz temporariamente a taxa de bits na UE

Segundo os porta-vozes do YouTube, apenas alguns picos de uso foram identificados até agora, mas tomam a actual medida de precaução. Portanto, o YouTube agora está a definir a resolução SD como a configuração padrão para os seus vídeos em toda a União Europeia. Em tempos de UHD / 4K, é claro, isso não é mais uma visão bonita e muito mais drástica do que a estratégia da Netflix, que apenas reduzia as taxas de bits.

Fiz alguns testes em alguns segundos, e reparei que no browser no desktop, o YouTube ainda está em FullHD (1080p) como padrão, no entanto, no smartphone ele mudou para os 480p por padrão. No entanto, reparei que é possível aumentar manualmente essa qualidade, pelo que isso não impede a plataforma de vídeo de transmitir com uma qualidade maior.

Mas a verdade é que milhões de utilizadores não a vão mudar manualmente, e vão deixar na qualidade 480p, e isso fará reduzir drasticamente o consumo de Internet.

Joel Pinto
 | Website

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.