Picture-in-Picture está a chegar ao WhatsApp para iPhone

Picture-in-Picture está a chegar ao WhatsApp para iPhone

19 Dezembro, 2022 0 Por Joel Pinto

O principal serviço de mensagens do grupo Meta, o WhatsApp, está a trabalhar num modo Picture-in-Picture para iOS. Isso significa, que os utilizadores do iPhone poderão em breve manter no seu ecrã uma chamada de vídeo do WhatsApp enquanto navegam em outras aplicações.

 Acontece que, de momento, a aplicação do WhatsApp não suporta o recurso Picture-in-Picture (PiP) no iPhone, algo que surgiu em outras aplicações no lançamento do iOS 14. O PiP para o WhatsApp no ​​iOS está atualmente em teste beta. Uma implantação em larga escala deverá acontecer no próximo ano, sem maiores detalhes a serem revelados de momento.

O anúncio da chegada do Picture-in-Picture para WhatsApp no ​​iPhone foi feito à margem de um resumo de várias melhorias feitas este ano para as chamadas. Recentemente, foram permitidas as videochamadas com até 32 pessoas, bem como nas chamadas de voz.

O WhatsApp também traz de volta a capacidade de silenciar certas pessoas ou enviar uma mensagem enquanto continua na chamada, links de chamada para convidar facilmente as pessoas a participar de uma chamada em grupo.

Alterações de design foram feitas com ondas de cores para identificar uma pessoa a falar mesmo se a câmara estiver desligada, notificações aparecem através de banners quando uma pessoa entra numa chamada em grupo, e como tal, o PiP no iOS será o próximo passo.

Picture-in-Picture do WhatsApp para iOS já está a ser testado

O WhatsApp novamente insiste que todas as chamadas sejam criptografadas de ponta a ponta .

“No próximo ano, faremos mais melhorias para continuar a oferecer chamadas privadas de alta qualidade, onde quer que esteja no mundo.”

Não foi mencionado, mas a aplicação de mensagens está a trabalhar na possibilidade de fazer com que as mensagens enviadas desapareçam assim que forem lidas, da mesma forma para fotos e vídeos enviados.

Joel Pinto
 | Website

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.