Preços dos SSD podem reduzir significativamente este ano

Preços dos SSD podem reduzir significativamente este ano

15 Janeiro, 2019 0 Por Joel Pinto

Segundo as estimativas dos pesquisadores de mercado, muito por causa do excesso de oferta, o preço da memoria NAND deverá sofrer uma queda de 50% durante o ano de 2019. Já no ano passado, foi dito que os preços dos SSDs deveriam cair significativamente, mas agora a previsão é que estes tenham uma queda de 20 por cento, apenas no primeiro trimestre.

Os pesquisadores de mercado da DRAMeXchange corrigiram a sua previsão do desenvolvimento de preços de memória flash para este ano. Até agora, foi dito que a atual fraca e esperada demanda de SSDs para notebooks, smartphones, servidores e outros produtos finais permanece fraca, e as fabricantes estão a responder segundo os números reduzidos de produção. No entanto, o plano não foi tão longe. O excesso de oferta no mercado de memória flash levou a uma baixa de preço durante todo o ano de 2018, e assim continuará no início de 2019.

A DRAMeXchange publicou uma previsão no há uns meses, a dar conta que a memória flash no primeiro trimestre de 2019 poderia ficar cerca de dez por cento mais barata. Agora, o DRAMeXchange espera que seja 20 por cento, significando uma queda de preço significativamente maior, o que acabará por tornar os clientes finais em todo o mundo felizes. Para os clientes, isso significa mais espaço por menos dinheiro.

Ao longo do ano, o preço deverá cair para metade em relação ao ano anterior, se a tendência continuar: a DRAMeXchange espera que os preços caiam 15% no segundo trimestre, depois 10% no terceiro e quarto trimestres.

Em reação ao desenvolvimento, as fabricantes norte-americanos já estão, segundo a DRAMeXchange, a reduzir os seus investimentos no setor de semicondutores em geral. O investimento total na indústria global de flash NAND deverá ser de 22 mil milhões de dólares, que é cerca de dois por cento a menos do que em 2018.

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos. Siga-nos também no Google Notícias, selecione-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.