Facebook prepara-se para processar a Apple

Facebook prepara-se para processar a Apple

30 Janeiro, 2021 0 Por Joel Pinto

A Apple deverá ter que se preparar para uma nova guerra judicial, e desta vez com o Facebook. Segundo está a ser revelado pelo The Information, o Facebook abordou um escritório de advocacia na tentativa de abrir um caso para iniciar um processo judicial contra a Apple. O grupo de Mark Zuckerberg poderia, portanto, apresentar uma queixa antitruste contra o grupo de Cupertino.

As acusações estão relacionadas com o "abuso de poder" da fabricante do iPhone no mercado de smartphones, que está constantemente a forçar os programadores de aplicações a aderir às regras da App Store, quando as próprias aplicações não o cumprem.

Depois há a questão da necessidade de usar o serviço de pagamento da Apple, na aplicação, mas também o fato de que a Apple não permite que aplicações de mensagens de terceiros sejam a aplicação padrão nas suas plataformas. E é importante ter em mente, que o Facebook é a empresa por trás do WhatsApp.

A Informação aponta, porém, que nada parece ter sido levado em consideração para a decisão final do Facebook. Ao relembrar que também já existe uma batalha jurídica entre a Epic Games e a Apple.

Apple Facebook

Apple vai ser processada pelo Facebook

Durante a publicação dos últimos resultados financeiros do Facebook, o nome da Apple foi mencionado várias vezes. E Mark Zuckerberg disse em particular:

"A Apple tem todo o interesse em usar a sua posição dominante na plataforma para interferir na operação das nossas aplicações, e outras aplicações, o que eles fazem regularmente priorizando as suas próprias aplicações." O fundador, e CEO, do Facebook acrescentou: “Esta situação está a impactar o crescimento de milhões de empresas em todo o mundo, inclusive devido às futuras mudanças no iOS 14. Muitas pequenas empresas não serão mais capazes de operar, já que não terão alcance para os seus clientes com publicidade direcionada. A Apple pode dizer que está a fazer isso para ajudar as pessoas, mas essas mudanças estão claramente a servir os seus interesses competitivos."

Essas mudanças no iOS 14 (mas também no iPadOS 14 e no tvOS 14) serão lançadas em grande escala no início da próxima primavera. Esta é a transparência de rastreamento de aplicações, que forçará às aplicações a pedir permissão do utilizador antes de rastrear dados, quer seja nas aplicações, como em sites de outras empresas.

FONTE

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.