Análise Tronsmart Onyx Prime: Construidos para Audiófilos

Análise Tronsmart Onyx Prime: Construidos para Audiófilos

17 Dezembro, 2021 0 Por Joel Pinto

Conforme podem ter percebido pelo titulo deste artigo, ele é dedicado aos fones de ouvido Onyx Prime, que são fabricados pela Tronsmart, e que prometem ser construidos para Audiófilos? Mas será bem assim? Confesso que me surpreenderam, mas vamos perceber porque.

Os Onyx Prime têm um design com um formato quadrado com uma grande haste que tem 1,5 cm de comprimento, 1,3 cm de largura e 0,5 cm de espessura. O comprimento total do corpo do caule é de 2,5 cm. Ou seja, eles são maiores do que a maioria do que a maioria dos fones de ouvido, mas isso acontece por um bom motivo. Eles estão equipados com drivers duplos (2 drivers por fone de ouvido) que inclui um driver de armadura balanceada (BA) e um driver dinâmico (DD) que cria um estágio de som mais amplo, e detalhado, do que conseguiria com um par de fones de ouvido convencional. A separação do som é brutal, as vozes destacam-se claramente dos sons mais altos e mais agudos, e os graves, tal como os médios-altos, estão bem presentes, o que torna o áudio mais dimensional e simplesmente espectacular.

O estojo de carregamento dos Onyx Prime permanece na vertical, embora tenha um acabamento mais pobre, a ponto da sua tampa abanar quando movemos o movemos de um lado para outro. O formato oval do estojo de carregamento torna-o confortável de transportar (mesmo no bolso das calças), e permite que o coloquemos de pé sobre uma mesa, a menos que precise de ligar o cabo de carregamento. E já que falamos em carregamento, o estojo dos Onyx Prime comportam 26 horas de carga adicional, e leva 2 horas para carregar totalmente.

Tronsmart Onyx Prime

Apesar da aparência volumosa, os fones de ouvido Onyx Prime são muito leves, pesando apenas 6,5 gramas cada. O ajuste é confortável graças ao plástico brilhante e liso, que não fica facilmente marcado com as impressões digitais. Por causa do pescoço do bico espesso, os fones de ouvido não são do tipo que se inserem profundamente dentro do canal auditivo, o que é ideal para aqueles com canais auditivos mais pequenos, ou sensíveis. Se preferir um visual mais fino, estes não são definitivamente uns bons fones de ouvido para si.

O seu ajuste é seguro, graças às pontas das asas de borracha que se ancoram dentro da concha da orelha. Existem pontas de diferentes tamanhos incluídas na caixa de venda dos fones de ouvido.

Em termos e autonomia, os fones de ouvido em si precisam de 2 horas para ficar totalmente carregados, mas a sua autonomia chega às 7 horas (por fone de ouvido) com o volume a 50% via codec SBC, e desce para as cerca de 6 horas com som aptX ou AAC. Em termos de autonomia, tal como acontecia com a qualidade do som, é excelente. Num dos dias em que me encontrava em testes, sai de viagem com os fones metidos, e esqueci-me do estojo e carregamento em casa... e utilizei os mesmo sensivelmente 6 horas sem que eles pedissem carregamento.

O lado externo (painel frontal) dos fones de ouvido Onyx Prime possui área de controlo de toque, microfone ENC e indicador LED de status, que não pisca ao ouvir o áudio. O microfone para chamadas está localizado na ponta da haste. A qualidade da chamada é alta e clara, com uma redução de ruído muito boa, suprimindo ruídos indesejados de fundo. E isso é possivel graças ao seu hardware interno, já que no seu interior temos o Qualcomm QCC3040, com a tecnologia Bluetooth 5.2 que suporta aptX Adaptive, aptX regular, AAC e codecs de áudio SBC. No entanto, a ligação multiponto não é suportada. É fácil remover os fones de ouvido, embora eles tenham que ser retirados do estojo de carregamento para fazer a ligação bluetooth.

Com outros fones de ouvido da marca, como por exemplo os Onyx Apex, pode manter a ligação bluetooth activa enquanto os fones de ouvido permanecem no estojo de carregamento. Isso é especialmente conveniente quando deseja atender uma chamada rapidamente. Além de um atraso de voltar a ligar, de 2 segundos, a alternância entre os fones de ouvido (para escuta mono) é perfeita, sem pausa de áudio ou desconexão do bluetooth.

Os controlos de toque são responsivos, exigindo apenas um toque ligeiro, e incluem reproduzir / pausar, volume (aumentar / diminuir), saltar faixas (próxima / anterior), chamadas (atender / encerrar / rejeitar), assistente de voz, e modo de jogo. Alem disso, são activados através de uma série de combinações de toque e longo pressionamento. Há muitas funções para lembrar, mas pode remapear os controlos de toque através da aplicação móvel da Tronsmart, que está disponível na Play Store, que até permite desactivar algumas funções que não precise, que é algo que raramente poderá fazer com outros fones de ouvido.

Os Onyx Prime vêm embalados dentro de uma enorme caixa de papelão rígido com uma inserção de espuma removível protegendo os fones de ouvido. A embalagem tem uma aparência premium e é muito atraente com grandes letras douradas. O manual de utilizador vem a acompanhar os fones de ouvido também merecem uma menção, isto porque são um guia do utilizador bem completo e colorido. Dentro da caixa temos ainda diversos acessórios, que vão desde as pontas de orelha em formato de tigela de tamanhos diferentes e pontas de asa de tamanhos diferentes, organizadas ,um suporte de plástico. As pontas das orelhas são macias e feitas de silicone fino. Eles são muito confortáveis, embora provavelmente queira usar fones de ouvido mais grossos para aumentar a resposta de graves e o isolamento passivo de ruído.

Tronsmart Onyx Prime

Veredicto final Tronsmart Onyx Prime

Não vou mentir, quando recebi os fones em casa pensei que fosse mais um par de fones de ouvido de baixa qualidade, e depois fiquei com a certeza que "as aparências iludem". Adorei estes fones de ouvido, porque eles oferecem aquilo que realmente queremos, que é, bom som e que sejam confortáveis. E estes Onyx Prime oferecem isso mesmo, excelente qualidade sonora e um conforto que não é nada habitual para este tipo de dispositivo.

A titulo de curiosidade, estes fones de ouvido custam sensivelmente 60 euros (podem ver aqui) e passaram a ser os meus fones de ouvido de uso diário, substituindo os meus actuais fones de ouvido que têm um preço de mercado que ronda os 200 euros (não vou revelar marca o modelo porque esta é uma análise aos Onyx Prime).

Tendo em conta que oferecem tudo aquilo que é esperado para um fone de ouvido, e um preço que realmente é muito interessante, a minha nota para os mesmos é a máxima possivel:

Se quiserem, podem visitar a página da fabricante do produto aqui.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook e do Instagram? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta seleccionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.