Análise Crash Team Racing Nitro-Fueled (versão PlayStation 4)

30 Junho, 2019 0 Por Joel Pinto

Há mais de uma semana que me encontro a jogar ao Crash Team Racing Nitro-Fueled (versão para a Playstation 4) e como tal penso que chegou o momento de dar a minha opinião sobre este remake da Activision.

O Crash Team Racing Nitro-Fueled chega-nos pela cortesia da Beenox, a empresa que desenvolveu o jogo, e cujo currículo consiste principalmente em ports de jogos de PC, como alguns Call of Duty e Skylanders, da Activision. Mas o estúdio destacou-se com o Nitro-Fueled, produzindo um divertido e fiel remake do best-seller de 1999 da Naughty Dog.

Análise Crash Team Racing Nitro-Fueled - Desing

A nível estético, o Nitro-Fueled é um deleite absoluto. A lista de heróis conhecidos, vilões e personagens secundários do universo selvagem de Crash Bandicoot é recriada com novos modelos deliciosos, dando vida através de animações divertidas. De Coco e Ripper a Pinstripe e Polar, cada personagem é uma alegria de se ver. É uma pena que os vocais serem um pouco exagerados, com cada personagem a repetir algumas linhas repetitivas de diálogo a cada corrida. Do ponto de vista do gameplay, o design do Nitro-Fueled definitivamente parece favorecer as personagens mais pesados, mas, depois de um pouco de prática, ficamos deliciados com a jogabilidade.

Seja a derrapar nas areias, atirando em laboratórios malucos ou queimando através do reino subterrâneo de um dragão, pistas de corrida novas e antigas foram habilmente colocadas no jogo, e com muitas atracções divertidas.

O lado menos bom dos jogo, que não gosto de dizer que são negativas porque ia ser injusto, são as faixas que não são tão consistentes quando se trata de layout. É que o Nitro-Fueled conta com diversos layouts de cursos, que vão desde excelentes speedways - com slaloms emocionantes, brecha para saltar, a rectas onde queimamos borracha, mas em alguns locais vemos que o mesmo fica francamente desajeitado, apresentando mal colocação de curvas, saltos e pontos de estrangulamento (mas é a minha opinião, podes achar isso interessante).

Análise Crash Team Racing Nitro-Fueled - Modos

Em termos de conteúdo, o Nitro-Fueled tem um tanque cheio de modos, incluindo batalhas de arena, provas de tempo, caça às relíquias, grand prix e muito mais. O melhor do conteúdo single-player está no modo Adventure, que agora permite que os jogadores participem em até 16 campos espalhados por um grande hub, mudando de pista à vontade. Completar essas corridas irá desbloquear uma selecção de novos chassis de kart, rodas e até mesmo personagens, enquanto permite aos jogadores a hipótese de se acostumarem com as pistas, armas, elenco e mecânica.

O Adventure Mode, no entanto, tipifica um dos problemas mais notáveis ​​do remake: uma curva de dificuldade estranhamente apertada, onde o Easy é simples demais, enquanto o Normal pode realmente ser muito dificil. Obviamente, e como em todos os jogos deste género, a prática leva à perfeição, mas alguns jogadores podem surpreender-se ao descobrir quão rapidamente Nitro-Fueled se torna impiedosamente resistente, onde pequenas falhas podem irremediavelmente deixa-lo na cauda das corridas.

O novo modo de Personalização apresenta uma variedade de karts, cores e rodas substituíveis, enquanto os próprios personagens têm acesso a algumas skins muito elegantes através da loja do jogo. O ouro em Nitro-Fueled é ganho com relativa facilidade, particularmente em corridas online, que normalmente distribuem três números por uma corrida, mesmo que não termine no pódio. Ainda é estranho para mim que a loja gire os seus itens numa base cronometrada, mas não é particularmente chocante (desde que a Activision não decida puxar a alavanca do "dinheiro real").

Análise Crash Team Racing Nitro-Fueled - Vertente Online

Falando da parte online, eu pessoalmente não tive problemas com a ligação. Eu gostei da porção online do Nitro-Fueled , que parece o "fim de jogo" do lançamento, uma vez que o Adventure Mode é removido e tem algumas dessas manobras complicadas. Na semana passada verifiquei muitas queixas por parte dos utilizadores, que dizem sofrer de algum lag, quedas de ligações, por isso e embora eu não tenha experimentado isso, é claro que muitos outros têm, e já foi confirmado pela Activision, que entretanto já declarou que os desenvolvedores estão a trabalhar numa atualização para resolver isso.

Análise Crash Team Racing Nitro-Fueled - Veredicto Final

Crash Racing Team: Nitro-Fueled é dificilmente o mais profundo dos títulos, mas como um remake, vai além de actualizar a estética original em redesenhar um lançamento clássico como um produto digno, onde possa gastar o seu dinheiro. Na maior parte dos pontos, este jogo é um sucesso. Nitro-Fueled parece e soa a fantástico, lida muito bem e apresenta vários modos multijogador divertidos para jogos locais, e online.

Não é um Mario Kart 8, mas é mais do que divertido o suficiente para justificar a compra. Crash Team Racing: A Nitro-Fueled não só é bem-sucedido, como uma adaptação amorosa e fiel do clássico lançamento da Playstation 1, como também foi impulsionada por um excesso de novos conteúdos, incluindo personagens, faixas e modos. Embora ocasionalmente mostre a sua idade no design do percurso, e erraticamente bombeia os travões com um surpreendente pico de dificuldade, o Nitro-Fueled continua a ser um jogo rápido e muito divertido, que agrada aos fãs antigos e que certamente irá deliciar os novos jogadores.

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos. Siga-nos também no Google Notícias, selecione-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.