AMD afirma que 110ºC não é uma temperatura excessiva para a série Radeon RX 5700

AMD afirma que 110ºC não é uma temperatura excessiva para a série Radeon RX 5700

14 Agosto, 2019 0 Por Sandro Sotto

A AMD publicou recentemente uma publicação onde detalha a forma como o algoritmo de aumento de GPU e os sistemas de gestão térmico funcionam nas novas placas gráficas da série Radeon RX 5700, assim como as placas Navi personalizadas.

Tem havido algum mistério sobre como tudo funciona, mas Mithun Chandrasekhar - gerente sénior da gestão de produtos da Radeon Technologies Group, da AMD, publicou uma longa e detalhada publicação no site oficial da AMD. Nessa publicação, Chandrasekhar escreve que, com a extensa rede de sensores térmicos da AMD espalhados pela GPU Navi nas placas da série Radeon RX 5700: "Monitoriza e ajusta de forma inteligente o desempenho em resposta à actividade granular do GPU em tempo real". Continuando: "Emparelhado com este conjunto de sensores está a capacidade de identificar o 'hotspot' através da matriz GPU. Ao invés de definir uma temperatura de estrangulamento conservadora, 'pior caso' para todo o dado, os GPUs da série Radeon RX 5700 continuarão a oportunisticamente e agressivamente, a aumentar os clocks até que qualquer um dos muitos sensores disponíveis atinja a temperatura de 'hotspot' ou 'Junction' de 110 graus Celsius. Operação em até 110ºC Temperatura durante o uso típico de jogos é esperada e dentro da especificação. Isso permite que os GPUs Radeon RX da série 5700 ofereceram desempenho muito melhor e clocks superiores, mantendo as metas acústicas e de confiabilidade".

Radeon RX 5700 2 - AMD afirma que 110ºC não é uma temperatura excessiva para a série Radeon RX 5700

Apesar de ser no mínimo chocante para os utilizadores que verificaram que as suas placas atingem os 110ºC, mas a verdade é que ele afirmou que isso é "esperado e dentro das especificações".

FONTE

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos.