James Blunt anuncia álbum com os melhores êxitos da sua carreira

James Blunt anuncia álbum com os melhores êxitos da sua carreira

11 Setembro, 2021 Não Por Joel Pinto

James Blunt anunciou o lançamento de um álbum especial com os seus maiores êxitos, "The Stars Beneath My Feet (2004-2021)" – para o dia 19 de Novembro, pela Atlantic Records – e uma enorme digressão no Reino Unido, em 2022, que celebrará canções de uma carreira de 17 anos com mais de 23 milhões de álbuns vendidos, o êxito mundial "You're Beautiful", dois Brit Awards e dois Ivor Novello Awards, e cinco nomeações para os Grammys.

Além dos singles de maior sucesso, "The Stars Beneath My Feet (2004-2021)" inclui quatro novas canções ("Love Under Pressure", "Unstoppable", "Adrenaline" e "I Came For Love"), quatro atuações ao vivo exclusivas desta edição e temas do seu mais recente álbum, "Once Upon A Mind", que foi disco de ouro.

'Love Under Pressure', uma das quatro novas canções, fica hoje disponível em todas as plataformas digitais. 'Love Under Pressure' foi escrita em parceria com Jack Savoretti e produzida pela dupla de compositores Afterhrs (One Direction, Maroon 5). Esta canção apresenta-nos James no seu melhor - com um refrão contagiante de piano desde o início, uma performance vocal poderosa e uma batida adequada para qualquer pista de dança.

The Stars Beneath My Feet (2004-2021) é o novo álbum de James Blunt

A propósito deste lançamento, James diz: "É espantoso, vou lançar os meus melhores sucessos. Eu queria chamar ao álbum "Greatest Hit (& Songs I Wish You'd Heard)", mas a Atlantic Records sugeriu um título mais sensato: "The Stars Beneath My Feet". Se James Blunt só pudesse ter lançado um álbum, seria: são 30 grandes canções, incluindo atuações ao vivo em Glastonbury e não só, e quatro temas novos. E para celebrar o seu lançamento, irei fazer uma digressão mundial no próximo ano. Fico à vossa espera."

O primeiro álbum, "Back To Bedlam", lançado em 2004, foi recentemente nomeado um dos dez álbuns mais vendidos da década, e com "Once Upon A Mind", James Blunt consolidou a sua reputação de criador de canções simples e de grande carga emocinal com as quais as pessoas se identificam facilmente. O álbum marcou o regresso ao que James Blunt faz melhor: escrever clássicos que tocam o coração e a cabeça.