Acabou a guerra entre a Qualcomm e a Apple

Acabou a guerra entre a Qualcomm e a Apple

17 Abril, 2019 0 Por Joel Pinto

Uma verdadeira surpresa, mas é verdade, a Qualcomm e a Apple já apertaram as mãos, e todos os casos que decorriam na justiça foram simplesmente anulados. A Apple acusava a Qualcomm, entre outras coisas, de cobrar altos valores de licenciamento, e a Qualcomm precisamente o contrário. Recentemente, houve relatos de que esta "guerra" poderia tornar-se na guerra de patentes mais cara da história da Qualcomm. Mas o desfecho, inesperado, foi completamente diferente.

A Qualcomm e a Apple anunciaram ontem um acordo para acabar com todas as disputas legais entre as duas empresas, e em todo o mundo. Esse acordo inclui um pagamento da Apple à Qualcomm. As empresas também assinaram um contrato de licenciamento valido para os próximos seis anos, e com vigência a partir de 1 de abril de 2019, que inclui uma opção de renovação de dois anos e um contrato de fornecimento de chipset durante vários anos.

Mas o que levou as duas empresas a fazerem parceria depois de andares tanto tempo na justiça? Muito provavelmente porque a Apple precisa de modems 5G, e a Qualcomm precisa de um grande comprador e não se pode dar ao luxo de deixar fugir um grande cliente como a Apple.
Quem por sua vez, fica nas ruas da amargura, é a Intel, que vê o seu potencial maior cliente fugir para um rival, e por sua vez anuncia que abandonou esse negócio. Mas isso é um assunto que fica para um outro artigo.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook, no, Threads, do Instagram, do BlueSky e do X? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta seleccionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.

Joel Pinto

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este é o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.

Informático de profissão, e apaixonado por novas tecnologias, desportos motorizados e BTT.