Xiaomi "transforma" a Pocophone numa marca independente

Xiaomi "transforma" a Pocophone numa marca independente

17 Janeiro, 2020 0 Por Joel Pinto

A Xiaomi anunciou há instantes uma grande mudança na estrutura da empresa ao transformar a Pocophone numa marca independente. Depois de em 2018 ter lançado a Poco como uma submarca da Xiaomi, com o lançamento do POCO F1, rapidamente a marca ganhou uma grande legião de fãs um pouco por todo o mundo. Foi, na ocasião, um smartphone que criou uma "tempestade" no mercado de smartphones, e muito por culpa da sua excelente relação de qualidade e preço. Estamos a falar de um equipamento que é alimentado por um Snapdragon 845, uma boa configuração de câmara e que custava três vezes menos que um topo de gama.

Pocophone já é independente da Xiaomi

Apesar do enorme sucesso do POCO F1, a Xiaomi nunca lançou o tão esperado POCO F2, e em 2019 silenciosamente restringiu as operações da submarca globalmente. A empresa também nunca chegou a confirmar se planeia lançar o Poco F2, e o que o futuro reserva para a marca Poco.

Com o anúncio de hoje, a Xiaomi está a deixar claro que a marca Pocophone está aqui para ficar. A marca agora irá operar de forma independente da Xiaomi, e com a sua própria equipa, e estratégia de mercado. A marca partilhará recursos da cadeia de suprimentos da Xiaomi, mas terá o seu próprio roteiro de produtos.

Também foi confirmado pelo CEO da Xiaomi que a equipa da POCO está a trabalhar no POCO F2, embora não haja informações sobre quando a empresa o irá lançar, ou seque anunciar.

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos. Siga-nos também no Google Notícias, selecione-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.