X despede mais 1200 funcionários da equipa de moderação

X despede mais 1200 funcionários da equipa de moderação

13 Janeiro, 2024 0 Por Joel Pinto

O antigo Twitter, que recentemente foi batizado de X, despediu mais de 1.200 funcionários em todo o mundo, e em especial das equipas de moderação, elas que são as responsáveis de combater o conteúdo abusivo online.

Equipa de moderação do X mais reduzida

O regulador da eSafety, na Austrália, estimou que estes “cortes dramáticos” e o restabelecimento de milhares de contas banidas criaram “a pior situação” para a disseminação de conteúdos nocivos. Nos últimos meses, o regulador concentrou-se particularmente no X, dizendo anteriormente que a sua aquisição por Elon Musk coincidiu com um aumento na “toxicidade e ódio” na rede social.

Com base na lei de segurança online da Austrália, a Comissão de Segurança Eletrónica obteve uma lista detalhada de engenheiros de software, moderadores de conteúdo e outro pessoal de segurança a trabalhar na primeira vez que esses números foram divulgados.

Eles mostraram que 1213 especialistas da equipa de moderação, incluindo contratados, deixaram o X desde a sua aquisição por Elon Musk, em outubro de 2022, incluindo 80% engenheiros de software. Esta é, segundo Julie Inman Grant, “a pior situação. Você está a reduzir significativamente as suas defesas e introduzindo infratores reincidentes na plataforma novamente.”

A Austrália liderou o esforço global para regular as redes sociais, forçando as empresas de tecnologia a explicar como abordam questões como o discurso de ódio e o abuso sexual infantil.

Em Outubro, a Comissão de Segurança Electrónica multou o X em A$ 610.500, alegando que a plataforma não demonstrou claramente que luta contra a proliferação de conteúdos que envolvem agressão sexual de menores. Mas o X ignorou o prazo para pagamento da multa, antes de iniciar uma ação judicial para anulá-la.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook, no, Threads, do Instagram, do BlueSky e do X? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta seleccionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.

Joel Pinto

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.