Vendas de smartphones na Europa continuam em queda livre

Vendas de smartphones na Europa continuam em queda livre

3 Agosto, 2022 0 Por Joel Pinto

As vendas de smartphones, na Europa, caíram cerca de 11% durante o segundo trimestre de 2022. Mas algumas fabricantes, como a Apple, ainda continuam no verde.

Se tivermos em consideração aos dados mais recentes da Counterpoint Research, a Apple viu as suas vendas, do iPhone, na Europa aumentarem 3%, graças em parte ao iPhone SE 5G. A fabricante vendeu 9,6 milhões de iPhones em solo europeu, contra 9,2 milhões um ano antes. A sua participação de mercado é de 24% no continente, contra 21% anteriormente.

A Samsung foi a que mais smartphones vendeu, com 13 milhões de Galaxys, acima dos 12 milhões do ano anterior. A sua participação de mercado é de 32%, contra 27% anteriormente. A Xiaomi vem em terceiro lugar com 7 milhões de vendas, o que representa uma queda de 39%. Isso é explicado por sérias preocupações de logística. Por outro lado, o grupo teve algum sucesso na Europa Oriental, principalmente após a retirada da Apple, e da Samsung, da Rússia.

O restante do top 5 inclui a OPPO com 2,1 milhões de vendas de smartphones, uma queda de 26% em relação ao ano anterior. A Realme vem logo atrás com 1,3 milhão de vendas, um aumento de 21%. No total, todas as fabricantes venderam 40,3 milhões de smartphones na Europa durante o segundo trimestre, contra os 45 milhões no mesmo período do ano anterior.

smartphones

Cada vez se vende menos smartphones na Europa

“Os resultados do segundo trimestre de 2022 foram mistos e as comparações ano a ano mascaram a complexa dinâmica do mercado. Muita coisa mudou na Europa em relação ao ano passado e até ao trimestre anterior, tanto do ponto de vista da indústria quanto do ponto de vista macro”, aponta a Counterpoint Research.

FONTE

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.