Ubuntu já é mais utilizado do que o Windows XP

Ubuntu já é mais utilizado do que o Windows XP

4 Junho, 2020 0 Por Joel Pinto

Há algo que é inegável, o Linux continua a crescer, e é cada vez mais uma alternativa válida aos sistemas operativos da Microsoft. As estatísticas de terceiros mostram que a adopção do linux está a crescer, e de uma forma continua.

De todas as distribuições Linux que os utilizadores podem experimentar hoje, no entanto, há uma que está a receber cada vez mais atenção por parte dos utilizadores. E, sem grandes surpresas, estamos a falar do Ubuntu, a distribuição Linux que recentemente superou o Windows XP e agora está a aumentar a sua participação no mercado num ritmo significativo.

Os números do NetMarketShare, referentes ao passado mês de Maio de 2020, mostram que o Ubuntu agora está a ser executado em 2,11% de todos os sistemas existentes, enquanto o Windows XP caiu para os 0,96%.

Embora, à primeira vista, isso não pareça uma conquista notável, na verdade é, pois muitos preferiram usar o Windows XP em computadores mais antigos, na tentativa de atrasar uma actualização de hardware mais substancial. Mas, como se vê, alguns daqueles que não querem investir em novo hardware decidiram mudar para o Ubuntu e, ao mesmo tempo, também obtêm actualizações de segurança, e suporte, para novos recursos, em vez de ficar com uma versão antiga do Windows.

Ubuntu

Ubuntu ameaça até o Windows 8.1

Escusado será dizer que a adopção do Ubuntu também deve aumentar nos próximos meses, embora não seja preciso dizer que ainda há um longo caminho até que supere as versões mais recentes dos sistemas da Microsoft.

O próximo na fila é o Windows 8.1, actualmente com uma adopção de 3,04% dos dispositivos de desktop. Se a mesma tendência for mantida, dentro do dois ou três meses, dependendo de como a participação de mercado do Ubuntu for melhorada, eles trocaram de posição.

O Windows 7 ainda é o segundo sistema operativo mais usado nos desktop, com uma participação de 24,28%, enquanto o Windows 10 é o líder claro com 57,83%.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.