Twitter reverte uma das decisões mais polémicas dos últimos tempos

Twitter reverte uma das decisões mais polémicas dos últimos tempos

19 Dezembro, 2022 0 Por Joel Pinto

O Twitter decidiu reverter a decisão de banir links das redes sociais concorrentes, como Mastodon, Instagram, Facebook e muitas outras da sua plataforma. Falou-se também de plataformas como o Linktree, permitindo que tenha uma página a listar os links para as suas diversas redes sociais.

Tudo começou há algumas horas, quando o Twitter publicou uma página no seu blog a anunciar que havia alterados as regras e já não permitia que os seus utilizadores promovessem a sua presença em determinadas redes sociais.

A plataforma acrescentou que tomaria medidas contra os utilizadores que violassem essa política tanto no tweet quanto no nível da conta. Ou seja, a presença de links na descrição de um perfil também eram uma preocupação. A sanção não era outra senão um banimento da sua conta.

Essa escolha do Twitter surpreendeu muitos utilizadores, inclusive Jack Dorsey, que não é outro senão o cofundador e ex-líder da plataforma, revelando um simples “Não faz sentido”. Ele também publicou uma resposta ao tweet da própria rede social a anunciar esse bloqueio com uma simples questão: “porquê?”.

Algumas horas depois, o Twitter decidiu mudar os seus planos. Os tweets que anunciavam o bloqueio de links de outras redes sociais haviam sido removidos, assim como a publicação no blog da rede social.

Twitter volta atrás e não vai banir links de outras redes sociais

Agora, a conta de segurança no Twitter publicou uma questão onde diz:

“Devemos ter uma política que impeça a criação ou uso de contas existentes com o objetivo principal de anunciar para outras plataformas de rede social?”.

Por enquanto, o “não” prevalece amplamente com 87% dos votos, e a questão terminará às 14h.

Por sua vez, Elon Musk pediu desculpa

“No futuro, haverá uma votação para grandes mudanças nas políticas. As minhas desculpas. Isso não vai acontecer de novo”.

Joel Pinto
 | Website

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.