Streaming nos games causa impacto nas consolas, nas equipes eSports e também nos jogadores

Streaming nos games causa impacto nas consolas, nas equipes eSports e também nos jogadores

28 Setembro, 2021 Não Por Redação

O futuro dos games está a ficar mais direcionado ao streaming, seja com consolas como a Google Stadia, ou então com a transmissão de torneios de eSports pela Twitch TV e também pelo YouTube. Isso pode ser visto com o impacto que essas plataformas estão a causar no universo dos games. Enquanto alguns streamers colecionam milhões de seguidores, os jogadores profissionais migram dos campeonatos para as transmissões ao vivo.

Isso pode ser visto com mais clareza no Brasil, como mostra a reportagem exclusiva do blog Betway Insider. O sítio web mostra como o streaming tem ganhado força por lá, principalmente com os pro players. Gustavo "Baiano", por exemplo, deixou para trás a carreira de jogador profissional de League of Legends para se dedicar apenas ao streaming. Após dois anos da decisão, ele acumula mais de 600 mil seguidores na Twitch e não se arrepende da mudança na carreira. Gustavo afirma que a decisão foi difícil, mas que a escolha foi pela oportunidade de começar algo novo no universo do eSports.

É também no Brasil que está um dos maiores streamers do mundo: Alexandre Borba Chiqueta, o Gaulês. O ex-jogador de CS:GO possui quase 3 milhões de seguidores e já quebrou alguns recordes de audiência na plataforma da Amazon. Ele transformou-se numa referência não apenas para os streamers brasileiros, mas também para os portugueses, que não também acompanham as transmissões de torneios e de jogos que ele realiza no canal.

Esse sucesso individual é, na verdade, uma característica do crescimento do streaming no universo dos games. Gabrieli "FalleN" Toledo, um dos principais jogadores brasileiros de CS:GO, comentou sobre a importância desse apoio direto ao pro player em entrevista ao site de bets eSports Betway. Ele explicou que os avanços tecnológicos melhoraram as transmissões dos desportos, e é cada vez mais fácil acompanhar os jogadores de perto. Assim, é possível que o fã conheça mais do ídolo e tenha uma identificação maior, conseguindo superar até mesmo qualquer ligação com uma equipa específica.

Impacto nas consolas

Além das mudanças no universo do eSports, o streaming também causa mudança quando o assunto são as consolas da nova geração. Apesar de o Google Stadia não ter conseguido um grande sucesso, como mostrou recentemente a Eurogamer, a ideia parece agradar aos produtores e programadores. Afinal, uma consola que não precise de um hardware seria mais acessível e também mais fácil de realizar upgrades para se adequar aos videojogos recém-lançados.

Uma prova disso é o investimento que a Nvidia faz com essa tecnologia. A maior fabricante de placas gráficas do mundo lançou, em fevereiro de 2020, a primeira versão do GeForce Now. O serviço de streaming de jogos por nuvem recebeu críticas positivas, inclusive nas comparações com o Google Stadia. Esse parece ser o caminho que os games podem seguir nos próximos anos.

Enquanto isso, a Sony, a Nintendo e a Microsoft continuam a brigar pela liderança nas vendas de consolas em todo o mundo. Desde que a Playstation 5 chegou ao mercado no final do ano passado, por exemplo, Portugal tem registado filas enormes de pedidos pelo produto. A dúvida fica se essas plataformas também estão atentas para acompanhar as mudanças entregues com as inovações tecnológicas.

Equipas de eSports

Atualmente, apenas no CS:GO, Portugal conta com duas boas equipas de eSports. As organizações SAW e OFFSET são destaque nos torneios ao redor do mundo, e buscam mais torcedores com o auxílio do streaming. Isso acontece também em outros países, pois plataformas como a Twitch TV e o YouTube transformaram-se em ferramentas essenciais para se aproximar dos fãs, como FalleN comentou em entrevista à Betway.

Quase todas as organizações possuem uma forte presença nas redes sociais atualmente. Um exemplo é a Ninja in Pyjamas, que usou das médias digitais para anunciar a contratação do jogador Nicolai “Device” Reedtz no ano passado. Esse anúncio movimentou muito as redes da equipa, e garantiu mais seguidores, interações e ainda mais atenção de possíveis patrocinadores.

O universo dos games muda de forma rápida, e o streaming está a causar um impacto que promete ficar ainda maior. Seja com as consolas que funcionam sem hardware ou os jogadores que ficam mais próximos dos fãs pela Twitch TV, a verdade é que essa é a tecnologia que promete direcionar os games pelos próximos anos.