Spotify prepara um sistema de detecção de plágio

Spotify prepara um sistema de detecção de plágio

4 Dezembro, 2020 0 Por Joel Pinto

O gigante do streaming de áudio, o Spotify, criou um sistema que tem como principal intuito, o de ajudar os artistas a identificar plágio na música, e o serviço já solicitou uma patente para essa sua invenção.

O sistema anti-plágio do Spotify é alimentado por inteligência artificial. Um artista que deseje oferecer a sua música no Spotify (ou em outra plataforma) pode aproveitar o serviço e ver se já existe alguma música semelhante. Nesse caso, o Spotify irá notificá-lo. O artista pode decidir-se comparando a (s) canção (ões) em questão. Isso permitirá que eles façam ajustes para evitar serem vistos como alguém que copia, e evitar processos em tribunal que podem ficar caros.

Sim, este recurso pode evitar muitos processos judiciais, já que existem muitos no mundo da música. Muitas vezes é uma melodia que está muito (muito) próxima de outra, e em outros casos, são mesmo cópias descaradas.

Spotify quer acabar com o plágio

Com o seu sistema, o Spotify deseja atribuir uma pontuação de plágio. O verdadeiro benefício é ter um serviço que funciona em tempo real, para evitar ter que recomeçar uma música do zero. Por outro lado, o artista pode ser informado se a música que está a ser criada não tiver um equivalente existente.

Por enquanto, o gigante do streaming apenas registou uma patente para o seu recurso, e como tal ele ainda não está disponível para os artistas, no entanto, isso pode acontecer em breve.

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos. Siga-nos também no Google Notícias, selecione-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.