Sony anuncia o IMX675: Pode não ser o que está à espera

Sony anuncia o IMX675: Pode não ser o que está à espera

22 Julho, 2022 0 Por Joel Pinto

A Sony Semiconductor Solutions (SSS) anunciou aquele que a empresa diz ser “o primeiro sensor de imagem CMOS da indústria para câmaras de vigilância com saída total de pixeis das imagens gravadas e saída simultânea em alta velocidade das regiões de interesse”. Especificamente, este é o IMX675, um sensor de imagem CMOS tipo 1/3 para câmaras de vigilância com aproximadamente 5,12MP.

Isso permite a saída completa de pixeis de uma imagem capturada e, ao mesmo tempo, uma saída de alta velocidade de certas áreas de imagem relevantes (regiões de interesse). O sensor IMX675 utiliza tecnologia de transmissão de velocidade dupla para produzir cada pixel de uma imagem capturada a uma taxa de frames máxima de 40 frames por segundo, enquanto simultaneamente produz áreas especificadas pelo utilizador em alta velocidade. Equipada com este sensor de imagem, uma única câmara pode não apenas fornecer imagens de uma cena, mas também oferecer suporte à detecção de objectos específicos em alta velocidade com alto nível de detalhes.

O novo sensor também usa a tecnologia Starvis 2, que garante alta sensibilidade e ampla faixa dinâmica, consumindo cerca de 30% menos energia do que os modelos convencionais, graças à sua estrutura empilhada proprietária. A partir do próximo mês de Agosto, este sensor irá para os parceiros, uma amostra custará 104 dólares americanos. Cenários de aplicação? O novo IMX675 permite, por exemplo, registar um cruzamento como um todo e, ao mesmo tempo, reconhecer as pessoas e os veículos que circulam por lá. Da mesma forma, por exemplo, pode ser gravada uma imagem geral de uma área de uma estrada, enquanto ao mesmo tempo são registados os detalhes necessários para reconhecer as matriculas dos veículos que por lá circulam.

Isso significa que o novo sensor pode ser utilizado não apenas em câmaras de vigilância, mas potencialmente também em gravadores e webcams. O novo produto possui uma estrutura desenvolvida pela SSS na qual as irregularidades são usinadas nos planos de incidência do elemento receptor de luz para refratar a luz, aumentando assim a taxa de absorção da luz no infravermelho próximo. Graças a esta construção, a sensibilidade é cerca de 2,5 vezes superior à dos modelos convencionais. Isso significa que imagens de alta qualidade também são possíveis com imagens de infravermelho próximo, como aquelas feitas em ambientes escuros.

Sony IMX675 desenhada para ser utilizado em câmaras de vigilância

Pode encontrar informações mais detalhadas sobre o novo Sony IMX675 na página oficial do produto (aqui). Vamos ver quando os primeiros produtos baseados no sensor estarão disponíveis.

Joel Pinto
 | Website

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.