Série Samsung Galaxy A vai ter um smartphone com ecrã dobrável... mas só em 2024

Série Samsung Galaxy A vai ter um smartphone com ecrã dobrável... mas só em 2024

30 Junho, 2022 0 Por Joel Pinto

A Samsung detém actualmente cerca de 90% do mercado global de smartphones dobráveis. O único problema: esse mercado ainda é extremamente fraco, apesar de crescer a cada ano que passa. As previsões sugerem que isso aumentará muito rapidamente nos próximos anos. Como ? Baixando o seu preço. Hoje, um smartphone dobrável custa pelo menos 1200 euros (este é o preço do Galaxy Z Flip3 quando foi lançado).

Agora, o pessoal do ETNews publicou um artigo onde afirma que a Samsung está a desenvolver um smartphone dobrável que terá um preço muito mais baixo do que os da linha Galaxy Z. Eles dão conta de uma redução de preço na ordem dos 25% em relação ao preço coreano do Galaxy Z Flip 3 (e 50% em relação ao Galaxy Z Fold 3). Em Portugal, o telefone seria portanto, vendido em torno dos 850 euros no seu dia de lançamento, e que baixaria para os 700 euros em algumas semanas.

A queda seria tão forte que a Samsung até consideraria integrar este smartphone na gama Galaxy A. Não seria muito surpreendente, na medida em que os equipamento da série Galaxy A, são muito bons, e alguns deles são Galaxy S aligeirados (tanto em desempenho, funções como materiais). De facto, segundo o ETNews, este futuro smartphone dobrável acessível seria privado de algumas funções disponíveis em modelos de ponta. Nenhum exemplo é citado, mas estamos a pensar em particular no carregamento rápido, na taxa de refrescamento de 120Hz ou até mesmo o ecrã externo.

Galaxy A

Um Galaxy A com ecrã dobrável?

As ultimas informações apontam para a sua data de lançamento. A Samsung está supostamente a visar um lançamento comercial do Galaxy A com ecrã dobrável em 2024, ou seja, dentro de dois anos. Mas porque tanto atraso quando já existem smartphones dobráveis? Porque esses dois permitiriam que a Samsung criasse um ecrã dobrável mais barato e recuperasse os custos de P&D na dobradiça. No entanto, mesmo que pareça um atraso interminável, é provável que a Samsung ainda seja a primeira a lançar um smartphone dobrável “acessível”.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.