Samsung está a trabalhar num novo ecrã para o iPad OLED

Samsung está a trabalhar num novo ecrã para o iPad OLED

3 Março, 2022 0 Por Sandro Sotto

Samsung trabalha na Two-Stack Tandem: novo ecrã OLED de longa duração

A Samsung parece estar a trabalhar numa nova tecnologia de ecrãs OLED para a Apple. Segundo novas informações, essa tecnologia por agora baptizada de "Two-Stack Tandem", consiste, de uma forma muito simplificada, em dois substratos sobrepostos para a emissão de luz. Os displays seriam voltados para os novos iPad, iMac e MacBook, essencialmente formato de tamanho intermediário, e poderiam chegar ao mercado entre 2024 e 2025: o primeiro dispositivo a receber esse ecrã deverá ser um iPad Pro, o primeiro com ecrã OLED, programado para ser lançado em 2024.

As principais vantagens devem ser notadas principalmente em termos de brilho, e longevidade do painel, que pode até dobrar ou quadruplicar. Segundo as informações disponibilizadas, existem dois principais desafios que a Samsung enfrenta no fabrico destes painéis OLED "Two-Stack": custos de produção e fidelidade de cores.

É importante salientar que embora a Apple seja um dos clientes mais importantes nesta linha de painéis, que a Samsung teria apelidado de gama "T" (de "Tandem"), eles não serão exclusivos: na verdade, o primeiro ecrã com o nome de código T1 poderia estrear num produto da Samsung Electronics - assumindo o mesmo uso previsto pela Apple, portanto, num Galaxy Book ou num Galaxy Tab S, mas nem mesmo um smartphone está excluído (os iPhones devem, no entanto, continuar a utilizar displays "M" . de camada única).

O rumor também fala num possível uso no sector automotivo, mas não se sabe muito mais sobre isso. No entanto, todos sabemos que é verdade que as perspectivas de maior brilho, e autonomia, são particularmente atraentes neste sector, onde a vida útil de um veículo pode facilmente ultrapassar 10 anos. Além disso, mesmo tablets e PCs tendem a permanecer em circulação durante mais tempo do que os smartphones.

oled

A produção em massa destes ecrãs T1 está prevista para começar no próximo ano. A Apple é notoriamente muito cautelosa em introduzir inovações tecnológicas no nível de componentes porque quer ter certeza da sua qualidade, então não é surpresa que deixe a honra / fardo para a Samsung. Ao mesmo tempo, a cautela também é preferível para a Samsung, que muito provavelmente quer evitar a todo custo o fim do BoE, e perder um cliente de tamanho inigualável no mundo. A segunda geração, apelidada de T2, deve chegar directamente nos iPads.

FONTE

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.