Samsung pronta para investir 10 biliões no processo de gravação de 3nm

Samsung pronta para investir 10 biliões no processo de gravação de 3nm

24 Janeiro, 2021 0 Por Joel Pinto

Enquanto a TSMC se comprometeu a contruir uma unidade de produção, de componentes gravados no processo de 5nm no Arizona, para reduzir a dependência dos Estados Unidos das fábricas asiáticas, o grupo coreano Samsung prevê um movimento semelhante.

A Samsung está com um projeto em mãos, que visa construir uma fábrica que irá produzir chips no processo de gravação de 3nm, no Texas, e para isso já reservou 10 biliões de dólares. Isso acontecerá em Austin, onde está situado aquilo que muito já chamam do novo "silicon valley” para empresas de alta tecnologia. A empresa já prepara o início da sua construção durante este ano, terá a instalação de equipamentos avançados (especialmente para litografia EUV) em 2022, e com o início da produção marcado para 2023.

A Samsung deve assim beneficiar dos incentivos governamentais para atender à necessidade de realocar fábricas de componentes naquele país, e não deixar tudo nas mãos da China, um paraíso para grandes fábricas durante as últimas décadas.

A iniciativa também faz parte de uma estratégia agressiva para tornar a gigante coreana líder na produção de componentes eletrônicos até 2030, à frente da atual campeã TSMC.

Uma das batalhas que está a acontecer agora é precisamente a capacidade de garantir um número suficiente de equipamentos de litografia EUV, máquinas muito raras, e muito caras, que as empresas estão tentar adquirir para garantir a produção nos melhores nós.

Samsung vai contruir uma fábrica de chips de 3nm no Texas

A finalização do negócio para a instalação de um site no Texas agora dependerá das intenções, e incentivos fiscais, do novo governo de Biden.

A verdade é que a chegada de locais de produção com gravações muito finas, ao Estados Unidos, pode constituir uma bênção para muitas empresas de alta tecnologia que projetam os seus próprios componentes, mas precisam de quem as possa produzir.

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos. Siga-nos também no Google Notícias, selecione-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.