Samsung deixará de fornecer carregador em todos os seus smartphones

Samsung deixará de fornecer carregador em todos os seus smartphones

7 Março, 2022 0 Por Joel Pinto

Smartphones da Samsung deixarão de ser vendidos com carregador

Actualmente, a Samsung não fornece qualquer carregador quando o utilizador adquire um smartphone topo de gama, seja ele da série Galaxy S ou da série Galaxy Z. No entanto, a empresa Sul Coreana continua a fornecer esse carregador nos equipamentos das séries Galaxy A e Galaxy M.

No entanto, e acreditar na informação mais recente, essas duas séries de equipamentos deixarão de ser vendidas com carregador. A Samsung poderá justificar essa escolha citando razões ambientais, mas também iria beneficiar em termos de economia de custos, podendo baixar ligeiramente os preços dos produtos, já que a crise dos chips não ficou para trás e até os carregadores de bateria integram circuitos de gestão que, embora não muito refinados, envolvem a utilização de matérias-primas que actualmente são escassas.

A informação surgiu na rede social Twitter, na conta do leakster Yogesh Brar, que há poucos dias partilhou as últimas informações sobre o próximo Galaxy F23 (incluindo a falta do carregador do equipamento) perguntando como a Samsung teria justificado a sua remoção num smartphone de 24.000 Rúpias indianas, ou seja cerca de 280 euros. De momento, o acessório está incluído em todos os Galaxy, excepto nos topo de gama, onde a opção de ficar sem ele remonta ao Galaxy S21, do ano passado.

carregador

Removê-lo em quase todos os Galaxy seria, de facto, uma escolha que poderia afectar todo o mercado. As vantagens que o meio ambiente tiraria não estão em questão, dúvidas dizem respeito, se é que alguma coisa, à reacção dos mercados em desenvolvimento. A Samsung, tal como a Apple, que neste sentido abriu a linha, manteria o cabo de carregamento/transferência de dados na caixa, mas pouparia ao planeta milhões de potenciais resíduos electrónicos por ano.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.