Red Hat Enterprise Linux 7 Assegura  Flexibilidade e Segurança na Cloud

Red Hat Enterprise Linux 7 Assegura Flexibilidade e Segurança na Cloud

23 Setembro, 2019 0 Por Joel Pinto

A Red Hat, empresa líder mundial de soluções open source empresariais, anunciou a disponibilização ao público do Red Hat Enterprise Linux 7.7, o último lançamento da Fase de Suporte Total da plataforma Red Hat Enterprise Linux 7. Embora a computação híbrida e multicloud ajude a transformar as TI nas empresas, o Red Hat Enterprise Linux 7.7 disponibiliza uma melhor consistência e controlo em toda a infra-estrutura cloud para as equipas operacionais de TI, ao mesmo tempo que fornece ferramentas de criação de containers modernas e suportadas para os programadores de aplicações empresariais.

"Com o Red Hat Enterprise Linux 7.7, mostramos o nosso empenho continuado no ciclo de vida de 10 anos do Red Hat Enterprise Linux, ao mesmo tempo que apresentamos novas funcionalidades essenciais, como a construção de imagens e o Red Hat Insights, que ajuda as organizações a tirarem o máximo partido dos investimentos que efectuaram em Red Hat Enterprise Linux 7."

Stefanie Chiras, Managing Director, Red Hat Enterprise Linux, Red Hat

 O ciclo de vida Red Hat Enterprise Linux 7

Para além das novidades, o Red Hat Enterprise Linux 7.7 também marca a transição do Red Hat Enterprise Linux 7 para a "Fase de Manutenção 1" no âmbito do ciclo de vida de 10 anos do Red Hat Enterprise Linux. Esta fase enfatiza a manutenção da estabilidade da infra-estrutura para os ambientes de produção e a melhoria da fiabilidade do sistema operativo. Futuros lançamentos menores do Red Hat Enterprise Linux 7 irão agora focar-se apenas na manutenção e melhoria da estabilidade, em vez de apresentarem novas funcionalidades.

Os subscritores do Red Hat Enterprise Linux podem migrar entre versões da plataforma à medida das necessidades de suporte e de funcionalidades. Para ajudar neste processo, a Red Hat oferece ferramentas, incluindo upgrades no local, que ajudam a agilizar e simplificar a migração do Red Hat Enterprise Linux 7 para o Red Hat Enterprise Linux 8.

Enterprise Linux 7

 Consistência operacional melhorada na hybrid cloud

À medida que o interesse nas implementações de hybrid cloud aumenta no mundo empresarial, as equipas de operações TI enfrentam uma pilha tecnológica crescente e complexa que entrelaça aplicações tradicionais e serviços nativos da cloud, bem como recursos virtualizados, bare-metal e baseados na cloud. O Red Hat Enterprise Linux 7.7 junta novas funcionalidades que ajudam as equipas operacionais a manter o controlo e a consistência dos seus volumes de trabalho através de ambientes, incluindo:

  • Red Hat Insights, a oferta expertise-as-a-service da Red Hat, que ajuda os utilizadores a detectar, analisar e remediar de forma proactiva uma série de potenciais problemas de configuração e segurança do software antes de estes causarem downtime ou outros problemas.
  • Suporte total para o image builder, uma utilidade do Red Hat Enterprise Linux que permite que as equipas TI construam imagens da cloud de forma mais rápida e fácil para grandes infra-estruturas cloud públicas, incluindo Amazon Web Services, Microsoft Azure e Google Cloud Platform.
  • Melhorias no desempenho da rede para o Red Hat OpenShift e a Red Hat OpenStack Platform através do descarregamento de switches virtuais e virtualização de funções de rede (NFV) para o hardware controlador da rede.

Red Hat - Red Hat Enterprise Linux 7 Assegura  Flexibilidade e Segurança na Cloud

Dar força a uma experiência de programação nativa da cloud

Frequentemente, as aplicações modernas construídas para serem executadas na cloud híbrida são desenvolvidas utilizando containers Linux. Construir apps nativas da cloud requer ferramentas de desenvolvimento nativas da cloud, como um container daemon, mas estas ferramentas podem apresentar riscos e complexidades desnecessárias para os ambientes de desenvolvimento. Agora, o Red Hat Enterprise Linux 7.7 inclui suporte total para o kit de ferramentas de container distribuído da Red Hat (buildah, podman e skopeo) em implementações de workstation Red Hat Enterprise Linux com o Red Hat Universal Base Image, permitindo que as equipas de programação construam, executem e giram aplicações na hybrid cloud de forma mais simples.

Live patching para uma maior segurança do SO

O Red Hat Linux 7.7 também apresenta suporte para live patching ao kernel Linux subjacente. O suporte live patching permite que as equipas TI apliquem actualizações ao kernel para remediar Vulnerabilidades e Exposições Comuns Críticas ou Importantes (CVEs), ao mesmo tempo que reduz a necessidade de reinícios do sistema, os quais podem causar downtime desnecessário e falhas do sistema.

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos.