Pixel Watch: parece que é desta que a Google cria o seu próprio relógio inteligente

Pixel Watch: parece que é desta que a Google cria o seu próprio relógio inteligente

10 Fevereiro, 2019 0 Por Joel Pinto

A Google poderá estar a preparar-se para expandir a sua marca Pixel. Depois dos smartphones Pixel e dos fones Pixel Buds, podemos em breve ter um relógio inteligente sob a marca pixel. Pelo menos é isso que sugere uma oferta de emprego do grupo.
A oferta propõe uma posição de vice-presidente responsável pela engenharia de materiais para "wearables", ou seja, objetos como relógios e pulseiras inteligentes. A publicação não é acessível porque o Google está a procurar alguém com pelo menos 15 anos de experiência no desenvolvimento de produtos eletrónicos. O candidato também deve ter os graus necessários, entender como se negocia um pouco em todo o mundo e muito mais.

Acontece que o Google removeu a oferta de emprego do seu site (mas podemos vê-la abaixo), apenas algumas horas após a publicação por alguns meios de comunicação. Não sabemos se é um erro ou uma retirada voluntária.

Oferta de emprego Google - Pixel Watch: parece que é desta que a Google cria o seu próprio relógio inteligente

No passado mês de Janeiro, a Google anunciou que gastou cerca de 40 milhões de dólares para proteger a propriedade intelectual da marca Fossil, para relógios conectados. Entre isso e a oferta de emprego, podemos adivinhar facilmente que a Google quer entrar no mercado de relógios. O mecanismo de pesquisa já tem o sistema operativo, o Wear OS, e agora só lhe falta o Hardware.

O Wear OS tem sido usado por algumas fabricantes, mas a própria Google não tem qualquer hardware para o usar.

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos.