PayPal em negociações para adquirir o Pinterest

PayPal em negociações para adquirir o Pinterest

21 Outubro, 2021 0 Por Joel Pinto

Depois da Microsoft, chegou a vez do Pinterest ter um novo interessado, que desta vez é o Paypal. Segundo está a ser relatado pelo Bloomberg, os dois grupos citaram um preço de aquisição de 70 dólares por acção, e que faz com que a rede social fique avaliada em cerca de 44 biliões de dólares.

Lançado em 2009 e muito focado na dimensão criativa dos seus utilizadores, o Pinterest tornou-se público em Abril de 2019. O grupo alcançou uma facturação de 1,69 biliões de dólares em 2020, um aumento de 48%, e contabilizou no final de Junho de 2021 454 milhões de utilizadores activos mensalmente. Mas o mercado havia considerado decepcionante, ao publicar os seus resultados do segundo trimestre em Julho, o crescimento no número de seus utilizadores. Os analistas temiam que o Pinterest não conseguisse manter o ímpeto dado pela pandemia Covid-19, que aumentou a sua participação. No final de Julho, o site relatou uma queda de 7% dos seus utilizadores nos Estados Unidos, em apenas um ano.

Pinterest Microsoft

Paypal quer comprar o Pinterest?

A aquisição do Pinterest pelo PayPal pode, em qualquer caso, surpreender. Os dois grupos estão em dois campos diferentes. O primeiro é mais criativo. A plataforma oferece busca visual e scrapbooking onde os utilizadores podem salvar, recolher e agrupar imagens por tópico. Por sua vez, o segundo concentra-se principalmente em pagamentos online e em criptomoedas.

Nem o PayPal nem o Pinterest quiseram reagir às discussões para uma compra.