OPPO confirma que não tem intenções de abandonar o mercado Europeu

OPPO confirma que não tem intenções de abandonar o mercado Europeu

4 Abril, 2023 0 Por Joel Pinto

Na semana surgiram informações que davam conta de que a OPPO e a Oneplus se estavam a preparar para abandonar o mercado Europeu. No entanto, essas dúvidas foram posteriormente dissipadas pela própria fabricante.

Tudo isto, como já foi visto, está ligado ao diferendo com a Nokia, relativo à alegada violação por parte da empresa chinesa de algumas das suas patentes, litígio que levou à paragem da comercialização dos smartphones da marca na Alemanha.

As duas empresas, indagadas sobre o assunto na semana passada, responderam o seguinte:

” A OPPO e OnePlus estão comprometidos com todos os mercados europeus existentes. Tivemos um ótimo começo em 2023 com lançamentos bem-sucedidos de vários produtos na Europa e temos uma linha de produtos futuros para o resto do ano. Como sempre, a OPPO e a OnePlus continuarão a fornecer produtos mais inovadores e o melhor serviço da categoria para os utilizadores que estão avançando.

Agora, surge mais um pequeno esclarecimento sobre o assunto, ou pelo menos uma nova declaração de intenções:

A OPPO não vai sair do mercado alemão, mas o negócio foi suspenso devido à atual liminar no mercado alemão. A OPPO ainda está a negociar proativamente com a Nokia e acreditamos que esse assunto será resolvido eventualmente”.

OPPO tenta tranquilizar utilizadores Europeus

Como podem ver, a empresa não parece disposta a sair do mercado alemão e consequentemente do europeu, pelo contrário, está disposta a encontrar uma solução com a Nokia para remediar a situação atual que vê interrompida a venda dos seus aparelhos na Alemanha.

Tudo ainda está muito confuso, pelo que é difícil dizer o que será do futuro das duas empresas no mercado europeu apesar das tentativas de tranquilizar os utilizadores de que, caso o abandono do nosso mercado se concretize, serão os últimos a receber a notícia.

Joel Pinto
 | Website

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.