Norton tenta adquirir a Avast

Norton tenta adquirir a Avast

15 Julho, 2021 Não Por Joel Pinto

A NortonLifeLock, a empresa por trás do nosso bem conhecido antivírus Norton, está a planear a fusão com um dos seus maiores concorrentes, o Avast. Na verdade, o primeiro quer recomprar o segundo, o segundo, e entretanto o Avast já confirmou que existem discussões em curso, mas não foi revelado o valor que está em cima da mesa.

O valor da compra potencial do Avast pela NortonLifeLock pode, no entanto, ser mais ou menos estimado. A capitalização de mercado do grupo é de 6,08 biliões de libras (7,13 biliões de euros) até ao momento. Se presumirmos que sempre há um bónus nessas aquisições, podemos imaginar que a oferta será em torno dos 8 biliões de libras. No entanto, alguns analistas acreditam que o Avast não deve aceitar uma oferta inferior aos 10 biliões, dado o produto que oferece e o seu número de utilizadores em todo o mundo.

Nada foi ainda assinado, e as discussões ainda estão em andamento, apesar de a NortonLifeLock ter até 11 de Agosto para apresentar uma oferta firme de acordo com o Código de Aquisição do Reino Unido, que estabelece prazos formais. Isso acontece porque a Avast está presente na Bolsa de Valores do Reino Unido (embora a empresa tenha sede na República Checa).

Norton

Avast poderá voltar para as mãos da Norton

Na última contagem, o Avast relatou ter 435 milhões de utilizadores activos em todo o mundo. A empresa de segurança, que oferece antivírus, entre outras coisas, gerou vendas de cerca de 755,5 milhões de euros em 2020. As origens do Avast remontam a cerca de 30 anos, quando os fundadores Pavel Baudiš e Eduard Kučera criaram a empresa, então conhecida como Alwil. Os fundadores controlam cerca de 35% de suas acções e têm assento no conselho de administração.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.