HP volta a rejeitar oferta de aquisição da Xerox

HP volta a rejeitar oferta de aquisição da Xerox

5 Março, 2020 0 Por Joel Pinto

Em Novembro do ano passado, a Xerox fez uma oferta para adquirir a nossa bem conhecida HP. Na ocasião, a Xerox terá feito uma proposta de cerca de 27 mil milhões de dólares para adquirir a HP Inc, que pouco tempo depois, recusou a oferta.

Oferta mais recente da Xerox rejeitada pela HP

Isso fez com que a Xerox tivesse de reformular a sua oferta, e voltar a tentar a sua sorte. Agora, a HP mais uma vez recusou essa oferta melhorada, e alem disso pediu aos seus accionistas para não venderam as suas acções.

Chip Bergh, o presidente do conselho da HP revelou o seguinte:

A oferta da Xerox deixaria os nossos accionistas com investimentos numa empresa combinada que está sobrecarregada com um nível irresponsável de dívida e que posteriormente exigiria sinergias irrealistas e inatingíveis que colocariam em risco toda a empresa”.

Segundo a HP, a oferta apresentada pela Xerox aos seus accionistas subestima significativamente a empresa e beneficia desproporcionalmente a Xerox. Portanto, a HP pediu hoje aos seus accionistas que rejeitem a oferta de compra da Xerox para todas as suas acções em circulação.

A mais recente oferta da Xerox elevava o preço da oferta em $2 a $24 por acção numa oferta em dinheiro e acções que premiaria $18,40 em dinheiro e 0,149 acções da Xerox para cada acção da HP. A oferta está prevista para expirar a 21 de Abril de 2020, dando aos accionistas da HP um pouco mais de 6 semanas para decidir se aceitam, ou não, a oferta de compra da Xerox.

Segundo as estimativas da HP, o mercado de computação pessoal aumentará para $330 biliões até ao final de 2022. Se essa métrica de crescimento se se vier a concretizar, as vendas líquidas de PCs da HP dobrarão, desde que a empresa seja capaz de manter a sua participação de mercado actual. E isso deve explicar as razões que levam a Xerox a perseguir tão obstinadamente a empresa.

FONTE

Joel Pinto
 | Website

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.