Google ameaça revogar licença Android a quem trabalhar com a Amazon

Google ameaça revogar licença Android a quem trabalhar com a Amazon

13 Março, 2020 0 Por Joel Pinto

O Android TV é um dos sistemas mais “adorados” pelos utilizadores, e por esse motivo diversas fabricantes de TVs usam esse sistema operativo nas suas TVs. Mas antes de o poderem usar, as fabricantes têm de assinar um contracto com a Google para obter uma licença. Essa licença permite entre muitas coisas o acesso a aplicações como a Play Store ou o YouTube. No entanto, essa licença pode facilmente ser revogada.

Utilização do Amazon Fire TV pode revogar a licença Android

Segundo está a ser anunciado, a Google revoga a licença concedida aos fabricantes se eles decidirem instalar uma versão modificada do Android TV, incluindo as variantes oferecidas pela Amazon. Portanto, não é possível para uma fabricante utilizar o sistema Fire TV, da Amazon, num dos seus aparelhos, sem ter consequências por parte da Google.

Ir contra essas rígidas condições da licença da Google, pode ser potencialmente perigoso para as fabricantes de TV que também fabricam smartphones com o sistema Android. De facto, os termos do compromisso de compatibilidade com o Android significam que, se uma fabricante de TV optar por usar o Fire TV nas suas TVs, ele não poderá ter a Play Store ou as aplicações / serviços da Google nos seus smartphones.

Fire TV

O Google defende os termos do compromisso de compatibilidade do Android, afirmando que eles existem para garantir uma experiência de software consistente e segura. No entanto, esses termos basicamente eliminaram o sistema operacional Fire TV da Amazon do mercado de TVs conectadas. E, é claro, isso permite que o Google tenha uma grande participação de mercado nas Smart TVs.

Joel Pinto
 | Website

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.