Google Fotos: Editor de vídeo chega finalmente ao Android

Google Fotos: Editor de vídeo chega finalmente ao Android

10 Março, 2021 0 Por Joel Pinto

O Google Fotos é uma aplicação amplamente utilizada, e alem de ser uma excelente galeria que oferece backups na nuvem, ele também oferece um editor de imagens bastante avançado. Podemos, por exemplo, aplicar um filtro predefinido, ou alterar manualmente algumas configurações, como a luz, cor e profundidade, podendo escolher se deseja aplicar um desfoque frontal e transformar essa imagem num belo retrato.

Em Fevereiro, a Google anunciou que em breve também lançaria um editor de vídeo, tornando a sua aplicação ainda mais interessante, e abrangente. O gigante das pesquisas não revelou qualquer data para isso acontecer, mas parece que o famoso editor está próximo do seu lançamento. Um utilizador do Twitter revelou que foi capaz de usar o novo editor de vídeo, partilhando também um vídeo a mostrar como funciona.

O novo editor de vídeo do Google Fotos oferece várias ferramentas de edição. É possível, por exemplo, cortar partes de um vídeo, estabilizá-lo, mudar a sua perspectiva, aplicar filtros, além de poder modificar o seu brilho, contraste, saturação e outras configurações.

Google Fotos para Android recebe o Editor de vídeo

Para aceder a essa nova ferramenta, basta clicar no ícone de edição, após escolher o vídeo a ser editado. A partir desta interface é possível aceder às ferramentas de edição, divididas em guias. Existe uma dedicada aos filtros, uma dedicada ao ajuste e outra dedicada ao recorte. Este último também oferece a possibilidade de cortar o vídeo de forma personalizada (modo Livre) ou de escolher um determinado formato.

Editor de vídeo

Mais uma vez, podemos alterar a exposição, brancos, sombras, temperatura, tom de pele e outras configurações. Também é possível aplicar um filtro e depois intensificá-lo modificando alguns parâmetros. Além disso, os utilizadores do Google One têm acesso a alguns recursos exclusivos, como superfiltros que, com a tecnologia de aprendizagem de máquina, podem aplicar alterações bastante complexas com um único toque.

Para usar este novo editor de vídeo é necessário ter um smartphone com pelo menos 3GB de RAM e Android 8.0 (ou superior). De momento a função ainda não está disponível para todos, mas pode ser distribuída via software nos próximos dias.