Gigaleak, o maior hack da história da Nintendo revela grandes segredos

Gigaleak, o maior hack da história da Nintendo revela grandes segredos

28 Julho, 2020 0 Por Joel Pinto

Gigaleak é o nome como ficou conhecido um dos maiores hacks que afectou a Nintendo. Este hack parece ter revelado informações incríveis, e totalmente inesperadas, como os códigos-fonte de alguns dos melhores jogos lançados para a Nintendo 64 e Super NES, incluindo The Legend of Zelda: Ocarina of Time, Super Mario World, Yoshi's Island, Super Mario Kart ou Star Fox 2.

No entanto, foram revelados protótipos de jogos que nunca foram lançados, como um Ultra Mario Bros 64, The Donkey, Super Castlevania 4 e até o que parece ser um MMO Pokémon. Até ao momento, nada indica se esse hack está associado a um hack que ocorreu há umas semanas, onde foram invadidas cerca de 300 mil contras da Nintendo, e que falamos aqui.

Interdependente disso, alguns dados dp Gigaleak revela algumas obras de arte alternativas para Super Mario World, onde Bowser aparece com patas visíveis. Podemos ver um mecanismo de teste extremamente antigo, chamado estranhamente "Zelda 3", que serviria de base para o jogo Mario Kart 64. O código-fonte do jogo Star Fox 2 também foi revelado, onde ficamos por exemplo a saber, que um piloto humano deveria ter sido jogavel. Protótipos muito antigos de Yoshi, e alguns inimigos presentes no Super Mario World, também apareceram.

Nintendo 39 Nintendo Network ID

Gigaleak revela muita informação da Nintendo até agora desconhecida

Lançado em 1995 no SNES, Super Mario World 2: Yoshi's Island é provavelmente o jogo que até agora "sofreu mais" com esses hack, com, por exemplo, a aparência de uma interface completamente diferente, nunca antes vista. Alguns mini-jogos usados, ou mesmo totalmente diferentes daqueles que tínhamos conhecido, também apareceram. Dados valiosos sobre Super Mario Kart, de The Legend of Zelda: Ocarina of Time to Wave Race 64, de Starfox 64 e muitos mais foram revelados, e trata-se de uma lista extremamente longa.

As informações em questão apareceram no fórum 4Chan, e até ao momento a Nintendo ainda não confirmou a sua veracidade.

FONTE