Comissão dos Estados Unidos não parece favorável à compra da Activision-Blizzard pela Microsoft

Comissão dos Estados Unidos não parece favorável à compra da Activision-Blizzard pela Microsoft

24 Novembro, 2022 0 Por Joel Pinto

As coisas começam a ficar complicadas para a Microsoft, e parece que os argumentos de Jim Ryan finalmente fizeram eco nos reguladores. Depois da CMA britânica e da Comissão Europeia, é a vez da Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos lançar a sua própria investigação antitruste sobre a aquisição da Activision-Blizzard.

Segundo novas informações, Phil Spencer e Satya Nadella, respetivamente chefe da divisão Xbox e CEO da Microsoft, já foram ouvidos por membros da FTC. As explicações dos dois dirigentes não teriam convencido totalmente os membros da Comissão, que ponderam agora impugnar juridicamente a compra da Activision-Blizzard pela Microsoft, com o objetivo de inviabilizar o negócio.

Se a Microsoft ainda não reagiu a essas informações que agora foram reveladas, a Activision, por sua vez, não hesitou em ser ofensiva, um sinal da importância dessa aquisição para a editora.

“Estamos empenhados em continuar a trabalhar em cooperação com os reguladores de todo o mundo para permitir que a transação prossiga, mas não hesitaremos em lutar para defender a transação, se necessário”, disse Joe Christinat, porta-voz da Activision-Blizzard, num comunicado à imprensa. “Qualquer sugestão de que a transação possa levar a efeitos anticompetitivos é um absurdo completo. Essa fusão beneficiará os jogadores e a indústria de jogos americana, especialmente porque enfrentamos uma concorrência cada vez mais acirrada.”

Activision-Blizzard

Estados Unidos penderam chumbar o negócio entre a Activision-Blizzard e a Microsoft

A verdade é que as empresas já sabiam que não ia ser um negócio fácil, e em momento algum as empresas deram o negócio como concluído ou em vias de estar, porque sabem que o mesmo é realmente muito complicado de acontecer.

E a prova disso, é que três dos quatro principais mercados não estão muito interessados em permitir que o negócio seja concluído… pelo menos sem haverem alguns acordos.

Joel Pinto
 | Website

Fundador do Noticias e Tecnologia, e este foi o seu segundo projeto online, depois de vários anos ligado a um portal voltado para o sistema Android, onde também foi um dos seus fundadores.