DJI vai parar à lista negra dos Estados Unidos

DJI vai parar à lista negra dos Estados Unidos

17 Dezembro, 2021 0 Por Joel Pinto

A DJI vai mesmo para a lista negra dos Estados Unidos, que visa muitas empresas chinesas, e que foi "criada" pela administração de Donald Trump, e que parece ter sido aceite pela administração de Joe Biden.

A fabricante de drones desfruta de relativa leniência, no entanto, uma vez que os seus produtos ainda podem ser comercializados nos Estados Unidos, mas os investidores americanos estão agora proibidos de apostar fundos na empresa asiática.

7 outras empresas chinesas juntam-se a esta lista negra de investidores, incluindo SenseTime, CloudWalk Technology, Megvii, Xiamen Meiya Pico (segurança cibernética), Dawning Information Industry, Yitu Technology (inteligência artificial), Leon Technology e NetPosa Technologies (computação em nuvem). A maioria dessas empresas é suspeita de participar da vigilância da comunidade muçulmana uigur, mas a DJI não se encaixa nesse cenário, mesmo que os Estados Unidos acusem o grupo de participar de operações ou de implantação de tecnologias de vigilância em massa.

dji

DJI adicionada à lista negra do Governo Norte Americano

Além dessa nova marreta contra as empresas de tecnologia chinesas, a Câmara e o Senado dos EUA votaram no início desta semana um decreto que proibe todas as importações de produtos chineses de Xinjiang, a região onde os uigures são monitorizados e "estacionados".

FONTE

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.