Confronting A Serial Killer estreia hoje na televisão em Portugal

Confronting A Serial Killer estreia hoje na televisão em Portugal

15 Maio, 2022 0 Por Joel Pinto

Confronting A Serial Killer às 22h no TVCine Edition

Entre 1970 e 2005, 93 mulheres morreram às mãos de Sam Little, como confessou o próprio a Jillian Lauren, a investigadora por detrás de Confronting A Serial Killer. Mas como foi possível que o assassino em série mais prolífico da história americana tenha sido condenado por apenas três destes homicídios, e só a partir de 2014?

Como pode o sistema judicial americano ter falhado a tantas mulheres? São estas as questões centrais de Confronting A Serial Killer, uma série documental com realização de Joe Berlinger, uma das mais respeitadas figuras no campo do true crime, que agora chega a Portugal. A estreia acontece hoje, dia 15 de Maio, domingo, às 22h, em exclusivo no TVCine Edition.

Os documentários sobre serial killers focam-se habitualmente no assassino, na sua vida e nas suas motivações para matar uma e outra vez. Embora esse retrato seja aqui traçado, e ilustrado por entrevistas com Sam Little, Confronting A Serial Killer assume um rumo diferente. A história é contada por sobreviventes e por Jillian Lauren, uma aclamada escritora e jornalista com o seu próprio passado de abuso sexual e físico que em 2018 conseguiu persuadir Little a revelar-lhe, a partir da prisão, os homicídios nunca antes por ele confessados. Embora Little estivesse condenado por três destas mortes, que sempre negou veementemente, só quando Lauren o levou à confissão é que foi possível às autoridades judiciais começar a compreender o alcance das suas ações. Estas conversas, que a série documental acompanha, levaram à resolução de numerosos casos de pessoas desaparecidas e de homicídios não resolvidos – 60 até à data, com muitos ainda por investigar.

"Para mim, toda a motivação para esta série foi poder fazê-la através do ponto de vista da Jillian e torná-lo muito centrada na vítima", explicou o realizador Joe Berlinger. "É um testemunho que revela décadas de inação de um sistema judicial que não valoriza um certo tipo de vítima".

Confronting A Serial Killer

Eram mulheres marginalizadas pela sociedade, a que a lei não seguia o rasto: trabalhadoras do sexo, toxicodependentes, pessoas com problemas de saúde mental. E maioritariamente negras. Confronting A Serial Killer problematiza os preconceitos raciais, de classe e de género que corroem a justiça americana, ao mesmo tempo que enfrenta assassino e agressores indiretos.

Se quiser, pode assistir ao trailer desta série documental aqui.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.