Christopher Nolan corta relações com a Warner Bros e vai para a Universal

Christopher Nolan corta relações com a Warner Bros e vai para a Universal

15 Setembro, 2021 Não Por Joel Pinto

Já aqui tínhamos revelado que Christopher Nolan procurava um estúdio para a produção de um novo filme biográfico ficcional de J. Robert Oppenheimer (um físico polémico por trás da primeira bomba atómica), que agora sabemos que será produzido, e distribuído, pela Universal. O actor Cillian Murphy está a ser cotado para protagonizar o mesmo, ele que já trabalhou com Nolan no The Dark Kight, no Inception e no Dunquerque.

Isso significa que Nolan, o grande nome por trás de grandes filmes como os da trilogia de Batman, Inception e Tenet, corta assim relações com a Warner Bros, a dona da HBO Max, e vai trabalhar com a Universal.

Christopher Nolan nunca aceitou a recente decisão da Warner de lançar os filmes tanto nos cinemas como na plataforma de streaming HBO Max. O realizador acredita mesmo que esta estratégia míope acabará por penalizar irreparavelmente os cinemas, o que o levou a dizer que a Warner não tinha "qualquer paixão pelo cinema e pelo espectador".

Christopher Nolan vai trabalhar com a Universal Pictures

O facto é que a Universal também tem o seu serviço de streaming , mesmo que a estratégia do grupo seja muito mais medida do que o “all SVOD” da Warner. A Netflix poderia alcançar o real se as coisas dessem errado novamente. A gigante SVoD confirmou o seu interesse em Nolan (através de Scott Stuber, um dos executivos da empresa), mas não tem certeza de que o inverso seja verdade: Nolan e SVoD não são realmente um amor louco.