Call of Duty: Aquisição da Microsoft pode acabar com os lançamento anuais

Call of Duty: Aquisição da Microsoft pode acabar com os lançamento anuais

21 Janeiro, 2022 0 Por Joel Pinto

Não é novidade para ninguém, todos os anos um novo Call of Duty chega ao mercado, e em 2021 isso não foi diferente, já que chegou o Vanguard. Agora, e segundo informações que estão a ser avançadas pelo Bloomberg, os executivos da Activision solicitaram à Microsoft para acabar com os lançamentos anuais.

Ainda não se sabe se isso vai ser aceite, mas as informações agora reveladas, a ideia passa por isso se tornar numa realidade já a partir de 2023, isto porque o jogo a lançar em 2022 já está numa fase muito adiantada do seu desenvolvimento. Alem disso, apesar de a Microsoft ter anunciado a compra do estúdio, a verdade é que oficialmente dificilmente o negócio será validado durante o ano de 2022, já que as previsões apontam que isso só aconteça em Junho de 2023.

Acabar com os lançamentos anuais poderia ser uma boa noticia até para os jogadores, já que isso iria permitir que os programadores tivessem mais tempo para dedicar à correção de bugs, já que não precisam de se preocupar tanto com novos jogos. Além disso, os executivos da Activision acreditam que essa mudança no cronograma seria boa para a licença, que não está mais ao nível de há alguns anos. Por exemplo, o Vanguard vendeu menos do que Black Ops Cold War, que foi lançado em 2020.

Modern Warfare para PC evento Call of Duty

Call of Duty poderá deixar de ter um novo jogo todos os anos

Ao mesmo tempo, Call of Duty: Warzone continua a ser atualizado e encontra-se com grande sucesso. O lançamento de um novo episódio “premium” poderia, portanto, esperar.

Esta manhã, Phil Spencer, chefe da Microsoft Gaming, disse que a licença de Call of Duty permanecerá no PlayStation apesar da aquisição da Activision. Os contratos já assinados também serão honrados para outros jogos da Activision.

Por outro lado, nada diz que a Microsoft não oferecerá apenas jogos futuros na Xbox. O seu objetivo é atrair o maior número possível de assinantes para seu Game Pass.

FONTE

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.