Apple: Bug está a importunar os utilizadores do novo Macbook M1

Apple: Bug está a importunar os utilizadores do novo Macbook M1

28 Fevereiro, 2021 0 Por Joel Pinto

Os dispositivos da Apple com o mais recente chip Apple Silicon M1, os MacBook M1, representam a primeira geração destes dispositivos. Como sempre, eles ainda têm muito o que melhorar e corrigir, para que o ecossistema da Apple esteja totalmente operacional com toda essa nova linha de novos processadores. Como tal, verificar que os novos Mac, com o Apple M1, chegaram com alguns bug, não é surpreendente, mas há um bug que está a estragar completamente a experiência de utilização: o que o impede os dispositivos de descarregar aplicações iOS, que normalmente são compatíveis.

Para ajudar a combater a falta de aplicações nativas para a plataforma Apple Silicon, a empresa Cupertino permite que os utilizadores do Mac M1 descarregue, e instalem, aplicações iOS, desde que os seus programadores tenham activado a opção nas suas aplicações. Dito isso, parece que alguns utilizadores estão a enfrentar bugs que os impedem de descarregar essas aplicações iOS, da Mac App Store.

Macbook M1

Com base no feedback desses utilizadores, parece que quando eles tentam descarregar uma aplicação iOS da Mac App Store, a Mac App Store mostra a animação do ícone giratório, a indicar algum processamento em segundo plano, mas nada acontece. É estranho que esse bug só esteja a aparecer agora, quando tudo estava a funcionar bem desde o lançamento desses dispositivos. Portanto, é perfeitamente possível que a versão mais recente do macOS seja a causa desse problema.

Um bug impede o download de aplicações iOS nos MacBook M1

Alguns utilizadores afirmam ter falado com o suporte da Apple sobre o assunto, e a Apple disse que não tem conhecimento desse problema. No entanto, esse bug parece ter-se generalizado e infelizmente, actualmente, ninguém sabe realmente o que deve ser feito para resolver o mesmo.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.