Após criticas: Instagram abandona "a sua cópia" do TikTok

Após criticas: Instagram abandona "a sua cópia" do TikTok

29 Julho, 2022 0 Por Joel Pinto

O Instagram vai desfazer diversas mudanças colocadas em prática nas últimas semanas, a ponto de a rede social ficar muito parecida com o TikTok, mas numa versão amplamente falhada. Houveram muitas críticas sobre isso e, portanto, a plataforma concordou em reverter.

Várias pessoas com um número significativo de assinantes criticaram as escolhas recentes, incluindo Kylie Jenner (361 milhões de assinantes) e Kim Kardashian (326 milhões de assinantes). Houve até uma petição “Deixe o Instagram ser Instagram novamente”. Isso levou a plataforma a reagir, enquanto se fez de surdo quando utilizadores “não-influenciadores” criticaram as suas escolhas.

Adam Mosseri, o chefe da rede social, havia anunciado inicialmente que uma ênfase particular seria colocada no vídeo, enfatizando de passagem que as fotos não seriam mais a prioridade. Hoje, o líder da rede social indica as mudanças que ocorrerão:

Estou feliz por termos arriscado. Se não falharmos de vez em quando, não veremos grande o suficiente ou ousado o suficiente. Mas definitivamente precisamos de dar um grande passo para trás e nos reagrupar.

Instagram

Instagram arrepende-se e reverte todas as alterações

Os detalhes exactos do que vai mudar no Instagram são um pouco obscuros. Adam Mosseri disse que a empresa está a reduzir temporariamente o número de publicações, e contas, recomendadas que vê no seu feed principal. No futuro, no entanto, o executivo diz que o Instagram provavelmente aumentará esse número novamente assim que melhorar os algoritmos de classificação, e recomendação.

Além disso, a exibição em fullscreen de fotos e vídeos será interrompida em breve. Mas, novamente, os detalhes são leves (é permanente ou temporariamente?). Será, portanto, necessário esperar antes de realmente ver se a experiência será como antes.

FONTE

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta selecionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.