Aplicações do grupo Facebook deixam de vir instaladas em smartphones da Huawei

Aplicações do grupo Facebook deixam de vir instaladas em smartphones da Huawei

8 Junho, 2019 0 Por Joel Pinto

Aquilo que aparentemente poderia ser mais uma má noticia, na verdade, eu considero uma boa noticia. Pois, parece que as aplicações do grupo Facebook deixarão de vir instaladas nos telefones da Huawei.
Assim, aplicações como Facebook, Facebook Messenger, Instagram e WhatsApp deixam de vir instaladas nos equipamentos da fabricante chinesa.

Na verdade isso é um problema que não existe, já que qualquer utilizador será capaz de instalar as mesmas aplicações, através da loja de aplicações, onde habitualmente descarregam o que lhes faz falta.
A informação está a ser passada pela agência Reuters, que diz que as aplicações do grupo deixam de sair de fabrica, instaladas nos dispositivos. (Samsung, Oneplus, Asus, etc... o que estão há espera para adoptar o mesmo? )

Os utilizadores que comprarem um novo smartphone da Huawei poderão continuar usar o Facebook, WhatsApp e o Instagram, se desejarem. A única diferença é que eles terão que abrir a Play Store e descarregar manualmente cada uma das aplicações. Até agora, elas já estavam nos telefones da Huawei e poderiam ser lançados imediatamente... E quem não as utilizava, só as tinha a ocupar espaço e recursos no equipamento.

Como lembrete, as sanções dos Estados Unidos não permitem mais que as empresas dos EUA trabalhem com a Huawei. A Google cuida do Android e a licença do Android da Huawei será revogada no dia 19 de Agosto. A partir desta data, os novos telefones da Huawei não estarão mais qualificados para receber atualizações e não terão acesso a aplicações e serviços da Google (Gmail, YouTube, Google Maps, Play Store, etc.). Isso, se entretanto toda a situação não for definitivamente resolvido, mas acredito que até lá, tudo volta ao normal.

Mas há males que vêm por bem, e este é definitivamente, um deles.

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook e do Instagram? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta seleccionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.