Análise SPC Gen: Um smartphone lowcost que cumpre

Análise SPC Gen: Um smartphone lowcost que cumpre

9 Agosto, 2020 0 Por Joel Pinto

A SPC é uma empresa Espanhola de dispositivos de consumo que opera oficialmente em Portugal há alguns anos. Nesta análise, prestamos atenção ao SPC Gen, um smartphone que foi anunciado no passado dia 20 de Maio de 2020 e que é um dos smartphones mais económicos do mercado.

A empresa entre os muitos produtos que possui, parece estar dedicada a produzir smartphones de baixo custo, e este é provavelmente o smartphone mais "potente" da empresa.

Análise SPC GEN: Design

O SPC GEN possui 148 x 72,2 x 9,4 milímetros e pesa cerca de 156 gramas, que o torna um smartphone "compacto" e com um peso dentro da média para o segmento. Ele conta com um ecrã 18:9 IPS de 5,45 polegadas, o que também é bom o suficiente para tudo o que um utilizador de smartphone precisa de fazer.

Como se trata de um smartphone de gama baixa, é natural que ele possua a resolução HD+, com 720 x 1440 pixeis que lhe confere 295 ppi. O seu design é do estilo simplista e sem grandes notas de apontamento, já que todas as suas linhas são direitas. Na parte superior do telefone temos uma entrada para os fones de ouvido de 3,5 milímetros e a porta MicroUSB. Na lateral esquerda temos o botão power e os de volume, e na lateral direita não temos qualquer detalhe a revelar, e na parte inferior apenas um microfone.

Se estão a questionar onde está a bandeja para o cartão SIM (neste caso 2 porque é Dual SIM), a resposta é simples, no interior do telefone, já que a capa traseira é destacável e pode ser substituída facilmente e em apenas alguns segundos. A capa que acompanha o telefone que testei, é de cor azul escura, e desconheço para já se a SPC tem planos para comercializar capas de outras cores.

Na parte de trás temos o sensor fotográfico, e falaremos dele mais há frente, que é devidamente acompanhado pelo seu flash.

Câmara

Uma vez que se trata de um dispositivo da gama de entrada não podemos esperar grandes milagres dos seus sensores. Contudo confesso que esperava pior qualidade, mesmo em condições de pouca luz.

O seu sensor traseiro de 13MP faz um trabalho razoável quando está com boas condições de luz, e as fotos saem nítidas e com alguns detalhes. O ruído obviamente está bem presente, mas não é por isso que ficamos com fotos desfocadas. Se é um "fotografo" ocasional serve perfeitamente, pois não vai perder o registo daquele momento importante que queria registar.

SPC Gen

Para os viciados em selfies, a câmara frontal de 5 megapixeis do SPC Gen tira fotos o suficientemente boas para usar nas redes social, mas não é um sensor frontal mais impressionante quando se trata de qualidade de imagem. Ponto muito positivo da câmara frontal é que possui o Desbloqueio Facial que é muito, mas muito importante para este equipamento que não conta com qualquer sensor de impressão digital.

Algo que também não é habitual neste tipo de equipamento, é o facto dele contar com um modo nocturno. As fotos tiradas com essa modo ficam diferentes das do modo automáticos, mas não espero por milagres.

Desempenho e software

Não me canso de escrever que estamos perante um telefone da gama de entrada, e uma rápida pesquisa pelo Google, facilmente encontramos este equipamento por preços abaixo dos €110, e por isso não podemos esperar que ele seja o Ferrari dos telemóveis.

Ele é alimentado por um chip Unisoc SC9863A, que possui um processador Octa-Core que opera no máximo a 1,6Ghz, e o GPU IMG PowerVR GE8322, que é acompanhado por 4GB DDR3. No entanto também existe a versão com 3GB de RAM com 32GB de armazenamento interno.

SPC Gen

Se a sua ideia é usar redes sociais, email, e navegar na Web e aplicações como Spotify e Youtube, então não vai ter problemas de desempenho. Ele corre eficazmente todas essas aplicações, mas ter 2 ou 3 aplicações abertas em simultâneo com o Facebook poderá desesperar até os mais pacientes.

Os jogos mais simples são executados sem problemas, mas quando o assunto são os jogos um pouco mais exigentes, é melhor esquecer este equipamento. Jogos mais "pesados" é completamente impensável, e este telefone nem sequer foi construído com esse propósito.

Ao contrário da grande maioria dos telefones desta gama de preço, o SPC Gen possui 64GB de armazenamento interno e possui uma slot para um cartão MicroSD de até 128GB.

Ao contrário do que esperava, este equipamento vem com uma versão praticamente limpa do Android 9.0 Pie, com o patch de segurança do sistema Android referente ao mês de Junho de 2020. Não tem qualquer bloatware e poucos softwares instalados no equipamento fazem parte do pacote da Google. Essencialmente é uma versão limpa do Android Pie, onde se inclui poucas alterações ao mesmo, somente a aplicação da Câmara parece não ser da Google e uma aplicação da própria SPC, a SPC +. E a meu ver, é uma mais valia.

Bateria

Existe uma particularidade na bateria deste equipamento, que há muito não via num smartphone: a bateria é removível. Os seus 3000mAh são suficientes para um dia inteiro de uso um pouco maior que o moderado. Foi uma das partes que mais me impressionou neste telefone, foi a sua bateria ter sido capaz de aguentar um dia inteiro, sem ter que o colocar no modo de economia de bateria.

SPC Gen

Não existe aqui qualquer modo de carregamento rápido, e para carregar dos 10 aos 100% é preciso alguma paciência, que recomendo que o faça enquanto dorme, porque aponte no mínimo para 2 horas e meia para uma carga total.

Análise SPC Gen: Veredicto Final

É um equipamento que cumpre com o que promete, se não tentarem fazer dele um "smartphone de corrida".

As partes mais positivas para mim são mesmo o seu software que vem sem qualquer bloatware, e deixa-o praticamente igual aquilo que a Google disponibiliza. Outro ponto positivo é a sua bateria. Na teoria é pequena, mas conseguiu aguentar bem os dias inteiros sem pedir o carregador.

SPC GEN

A parte menos positiva é mesmo o desempenho do Unisoc. Acredito que a SPC o tenha escolhido para conseguir disponibilizar um equipamento com um preço mais interessante, mas este processador quando solicitado tende a vacilar e a desesperar quem com ele trabalha. Mas no geral, cumpre com o que é proposto.

Ajude-nos a crescer, visite a nossa página do Facebook e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar o mesmo com os seus amigos. Siga-nos também no Google Notícias, selecione-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.