Análise OPPO Reno6 Pro 5G - Uma boa surpresa, mas...

Análise OPPO Reno6 Pro 5G - Uma boa surpresa, mas...

26 Setembro, 2021 Não Por Joel Pinto

Anunciado no passado dia 9 de Setembro, o OPPO Reno6 Pro 5G é um smartphone de gama média (muito alta) e que em termos de hardware conta com tudo aquilo que a grande maioria dos utilizadores precisa.

Estamos a utilizar este equipamento desde o dia do seu lançamento, e agora chegou ao momento de disponibilizar a nossa análise, daquele que nos parece ser um bom equipamento, mas que conta com um grande calcanhar de Aquiles, mas vamos tentar perceber qual é.

Em termos de design, estamos perante algo digno de um topo de gama. Um telefone muito bonito, com um acabamento fosco e anti dedadas, e com chassi em alumínio. Confesso que adoro o seu design, algo simples, moderno e acima de tudo vistoso.

O seu modulo fotográfico está localizada numa elevação no canto superior esquerdo na parte traseira. Em termos de botões, temos um botão Power à direita e os botões de volume à esquerda. A porta USB-C está naturalmente na parte inferior, assim como a bandeja do cartão SIM e um dos altifalantes.

Em termos de ecrã, o Reno6 Pro conta com um excelente painel AMOLED com 6,55 polegadas com a resolução FullHD+, com 2400x1080 pixeis, e com uma taxa de refrescamento de 90Hz, e que conta com um sensor de impressão digital embutido.

Em termos de qualidade, o ecrã deste Reno6 Pro 5G vem com aquilo que a OPPO nos tem habituado, excelente, e em condições de muita luz solar directa, não temos qualquer problema de visualização. Nesta secção a OPPO não tem facilitado, e oferece do melhor que o mercado tem para ser usado.

No interior do equipamento temos o Qualcomm Snapdragon 870 que é acompanhado por 12GB de RAM e 256GB de armazenamento interno UFS3.1. Esta configuração é mais do que suficiente para tudo o que possa fazer num equipamento Android. Ainda assim, se achar que precisa de mais memoria RAM, a OPPO tem uma funcionalidade que lhe permite adicionar em até mais 7GB, ou seja, até 19GB de RAM. Como? Simples, essa funcionalidade reserva 7GB do armazenamento interno e adiciona-os à memoria RAM. A diferença? Nota-se bem, mas aqui fica a prova nos testes do Antutu:

Com este smartphone será capaz de executar todos os jogos que existam para Android, e sem grande dificuldade, o seu desempenho está muito próximo daquele que é oferecido pelos principais topos de gama actualmente no mercado.

E se em termos de ecrã e desempenho o Reno6 Pro 5G tem tudo aquilo que precisamos, a sua secção fotográfica não fica muito atrás. Informo já que não é um topo de gama, mas os resultados que ele oferece estão muito acima da média. Ele conta com um sistema de quadrupla câmara traseira, em que o sensor principal é o Sony IMX766 de 50MP com abertura f/1.8, DOL-HDR e OIS. Esse sensor é acompanhado por um sensor ultra grande angular de 16MP com abertura f/2.2, um sensor telefoto de 13MP com abertura f/2.4 e um sensor Macro de 2MP e abertura f/2.4. Na frente, temos um sensor de 32MP com abertura f/2.4.

As imagens obtidas em todos os sensores são boas, no entanto, e dada a qualidade do equipamento esperava ter um pouco mais de Zoom Óptico, algo que já é habitual. Ele oferece zoom de 2x, mas que é fracamente pouco, e zoom de 5X é o desejado, mas a perder algo num conjunto como este que é oferecido pelo Reno6 Pro, era mesmo este zoom.

Quando a OPPO anunciou esta nova série de equipamentos, também anunciou o Bokeh Flaire Portrait. Basicamente é aquilo que já conhecemos do modo Bokeh nas fotografias, mas nos vídeos, que é algo muito interessante. Os fundos ficam desfocados, enquanto o objecto é exibido com muita nitidez, e confirmo que no Reno6 Pro funciona muito bem, mas na prática usamos muito menos do que usamos nas fotos.

E pelo que já vemos por tudo o que revelei acima, estamos perante um excelente equipamento. Mas para manter tudo isto a funcionar, é preciso uma boa bateria, e até aí este OPPO Reno6 Pro 5G não falha. Ele conta com bateria de 4500mAh com suporte para o carregamento rápido de 65W. O 65W são mais do que suficientes para que não tenha de carregar o telefone durante toda a noite. Dos 15% aos 100% temos cerca de 30 minutos de carregamento, e isso não é bom, é excelente. É o tempo que a maioria das pessoas leva para se despachar de manha, quer seja para ir para a escola, ou para o trabalho. É acordar, ligar ao carregador, e quando estiverem na hora de sair de casa, temos o smartphone a 100%.

Não posso terminar esta análise sem deixar de falar do software. É que este Reno6 Pro sai de fábrica com o ColorOS 11.3, que é baseado no Android 11. E quem já leu as nossas análises aos equipamentos da OPPO, sabe que não sou grande fã desta Interface, e não vou mudar muito a minha opinião relativamente a isso. A interface é rápida, intuitiva, e acima de tudo muito estável, mas não me consigo familiarizar com a mesma. Não estou a querer dizer que ela é má, que não é. É tudo uma questão de gosto pessoal, mas aqui noto muitas melhorias em relação ao passado: o bloatware quase que desapareceu, e as opções de personalização são cada vez mais, e isso é algo verdadeiramente bom.

Alem disso, a fabricante já revelou que este equipamento tem actualização garantida para o Android 12 e Android 13, ou seja, irá manter-se actualizado durante uns aninhos. Alem disso, ele contará com patch de segurança durante três ano, ou seja, até Setembro de 2024. E já que estamos a falar de patch de segurança, no momento em que este artigo está a ser escrito, ele conta com o patch de Agosto de 2021, ou seja, só não recebeu o patch de Setembro.

Veredicto Final OPPO Reno6 Pro 5G

O OPPO Rene6 Pro 5G é definitivamente um bom telefone, está muito bem equipado quer seja a nível de hardware, como a nível de software. A seu design é excelente, o acabamento é algo verdadeiramente fascinante. Processador e memória para tudo e mais alguma coisa, e os seus sensores fotográficos estão mesmo acima da média para um equipamento desta gama.

OPPO Reno6 Pro 5G

No entanto, como pode ter reparado no titulo deste artigo, temos lá um "mas...", e porque deste "mas"? É simples, não está em causa a qualidade do equipamento, o que está em causa é o preço do mesmo. A OPPO anunciou o mesmo como custando 829,90 euros no mercado nacional, e por este preço esperávamos um pouco mais. O que? Por exemplo, o carregamento sem fio, que é algo quase indispensável nos dias de hoje, e este telefone merecia suporte para o carregamento sem fio.

Sem querer revelar marcas, porque este artigo é dedicado ao Reno6 Pro, podemos encontrar equipamentos com características muito semelhantes por cerca de 500 euros. Se a OPPO tivesse colocado este equipamento no mercado por um valor até 549,99 euros, a nossa nota para o mesmo seria 5 estrelas (em 5 possíveis), mas dado o seu valor, vamos ser forçado a dar 4 estrelas: