Análise Asus VivoBook S15: Uma agradável surpresa

Análise Asus VivoBook S15: Uma agradável surpresa

23 Maio, 2021 0 Por Joel Pinto

O mercado de computadores portáteis nunca foi tão concorrido, e felizmente, temos nesse mesmo mercado dezenas (ou centenas) de modelos diferentes e de diferentes fabricantes, um dos portáteis actualmente no mercado é o VivoBook S15, fabricado pela Asus, e que hoje vamos deixar aqui a nossa análise.

Design e Ecrã

Se há algo que chama a atenção assim que tiramos o equipamento da caixa, é a sua cor, já que a Asus decidiu, e bem, criar a monotonia, e dar-lhe uma cor fora do normal: o verde (o modelo que testamos, mas existem outras cores). Isto é um claro sinal que a fabricante desenhou este dispositivo para um publico mais jovem. Outra nota de destaque é a sua tecla Enter que surge destacada em amarelo florescente.

Asus VivoBook S15

Ele conta com um belo design, com acabamento em liga de alumínio. Este é um material de boa qualidade, que lhe fornece um aspecto mais premium do que aqueles que conta com acabamento em plástico. Apesar do material mais resistente, o VivoBook mantém um peso razoavelmente portátil para um equipamento de 15 polegadas, com 1.80Kg.

O seu ecrã IPS conta com 15,6 polegadas com a resolução FullHD (1.920 por 1.080) e possui margens finas, o que lhe garante uma relação de ecrã-corpo de 86 por cento, algo realmente muito agradável de se olhar. Alem disso, ele conta com um painel anti-reflexo e retro-iluminação LED.

Na parte superior central deste ecrã, no seu chassi, temos uma câmara incorporada com a resolução HD (720p).

Além da sua tecla Enter amarela, o teclado é o padrão (estilo Chiclete retroiluminado). As teclas têm 1,4 mm de deslocamento, resultando numa experiência de digitação bastante confortável, e com a vantagem de contar com um teclado numérico completo. O touchpad é um pouco mais simples, com uma sensação plástica e um clique audível. Ainda assim, ele funciona suavemente e é bastante responsivo. Alem disso, este touchpad conta com um bónus, que é um pequeno leitor de impressão digital integrado no canto superior direito, que nos permite um rápido login no dispositivo, algo que já considero indispensável nos dias de hoje.

E tal como já tem sido habitual na Asus, este VivoBook S15 (S553E) vem muito bem equipado em termos de portas. No lado direito, temos duas portas USB 2.0 e um leitor de cartão microSD, enquanto à esquerda temos uma porta USB 3.0, uma porta USB-C, uma porta de 3,5mm e uma porta HDMI.

VivoBook S15: Desempenho

O modelo que nos foi disponibilizado para análise, conta com um processador da Intel, o Intel Core i7-1165G7, que é acompanhado por 16GB de RAM DDR4 e armazenamento interno de 1TB M.2 NVMe PCIe 3.0. Alem disso, ela conta com uma placa gráfica Intel Iris Xe, que é uma placa gráfica dedicada, mas da gama de entrada.

Bem, e tirando os jogos mais pesados, e eventualmente algumas aplicações em 3D muitos especificas, certamente não terá problemas de desempenho com este portátil. O Windows 10 Pro arranca em menos de 10 segundos e tudo flui muito rápida e sem qualquer engasgo. As aplicações, abrem de uma forma quase instantânea, e tudo é muito rápido em termos de processamento.

Asus VivoBook S15

No entanto, se estava a pensar adquirir o VivoBook S15 para torna-lo no seu dispositivo para jogos, o melhor é procurar outras soluções. Não quero com isso dizer que não permite que se jogue, já que consegue executar sem qualquer dificuldade alguns jogos como o Fortnite e o GTA V (e são só exemplos). No entanto, a parte gráfica não consegue acompanhar o desempenho do processador, da memoria RAM e do SSD, pelo que ela é o elo mais fraco deste conjunto.

Por outro lado, se pensa neste equipamento para a produtividade, ele pode ser a escolha certa. Durante os nossos testes, chegamos a ter mais de 20 aplicações abertas em simultâneo (Word, Excel, 2 browsers, Microsoft Teams, Cisco Jabber, etc), e em momento algum sentimos algum tipo de lentidão, ou falta de desempenho.

Apesar de usarmos durante muitas horas seguidas, e de forma intensa, não verificamos qualquer tipo de aquecimento em excesso, e por isso a Asus está de parabéns. Não é fácil manter um processador destes devidamente refrigerado, num corpo tão compacto.

Autonomia

Este VivoBook S15 tem uma duração de bateria decente o suficiente. Os laptops nesta categoria tendem a durar muito tempo, então a respeitável bateria de 50WHrs dura facilmente 9 horas com uso moderado. Essas 9 horas deverão ser mais do que suficientes para um dia de trabalho, mesmo que não seja tão longo como em alguns outros.

Asus VivoBook S15

Alem disso, ele tem um carregador de 65W que utiliza uma porta dedicada para recarregar, e uma carga completa, em utilização dura pouco menos de 1 hora e 20 minutos.

Veredicto Final Asus VivoBook S15

Confesso que no geral este Asus VivoBook S15 (S553E) conseguiu-me surpreender, e pela positiva. Há muito pouco a criticar em geral, muito menos quando olhamos para o seu preço (neste momento em torno dos 1100 euros). A qualidade de construção está muito acima da maioria nesta faixa de preço, e o portátil permanece bastante portátil, apesar de um ecrã com 15,6 polegadas.

Asus VivoBook S15

Não é o portátil mais veloz que já testamos, mas também não foi desenhado para isso, apesar de contar com desempenho muito próximo (ou melhor do que) muitas máquinas muito mais caras. Se procura por um portátil para trabalhar diariamente, ou para substituir o seu desktop, este VivoBook S15 é uma boa solução.

A nossa nota para o VivoBook S15 é: