100 funcionários abandonam a Microsoft para a Meta

100 funcionários abandonam a Microsoft para a Meta

12 Janeiro, 2022 0 Por Joel Pinto

Segundo está a ser anunciado pelo Wall Street Journal, cerca de 100 funcionários da Microsoft, e que trabalham em realidade aumentada, deixaram a empresa em 2021 para se juntarem aos quadros da Meta, a empresa que agora controla o Facebook.

Que argumentos foram encontrados pela Meta para conseguir "roubar" esses funcionários da Microsoft, e que trabalhavam no HoloLens? A principal é como quase sempre o dinheiro: a Meta simplesmente dobrou o salário de alguns funcionários. Basta dizer que algumas pessoas preferiram esta oferta e, portanto, deixaram a empresa Redmond para ir para Menlo Park.

A Meta tem sido muito agressiva nos últimos meses. Há pouco tempo, o grupo também conseguiu contratar dezenas de funcionários da Apple. A empresa está a preparar-se para o futuro com o seu metaverso que é muito importante para eles. O metaverso tem mais a ver com realidade virtual, em vez de realidade aumentada. Apesar de tudo, a Meta tem várias ideias em mente, daí o facto de atrair funcionários da concorrência.

Microsoft

Meta "rouba" funcionários à Microsoft

Ao mesmo tempo, a Microsoft já disse que o metaverso lhe interessa. Podemos, portanto, imaginar que o grupo responderá à sua maneira, roubando funcionários de outras empresas. Ele ainda precisa ter os argumentos certos para atrair funcionários para participar de seu próprio projecto.

FONTE

Já deixou o seu like na nossa página do Facebook e do Instagram? Receba toda a informação em primeira mão. Siga-nos também no Google Notícias, basta seleccionar-nos entre os seus favoritos clicando na estrela.